Siga Mais

Publicidade

Nativa FM
Cocipa
goodU
Cinema

Publicidade

Clinica Lu Applim
Radio Brasil
93 FM
Unifai 2
UniFAI 1

Siga Mais » Notícias » Ensino Superior

Ensino Superior

Pedido de R$ 1 milhão para projeto de pesquisa com abelhas da UniFAI é aprovado em São Paulo

09:25 atualizado: 05/03/2018 14:27

Valor será originado do Fundo de Interesses Difusos (FID).

Por: Daniel Torres | UniFAI

http://www.sigamais.com/noticias/ensino-superior/pedido-de-r-1-milhao-para-projeto-de-pesquisa-com-abelhas-da-unifai-e-aprovado-em-sao-paulo/ Pedido de R$ 1 milhão para projeto de pesquisa com abelhas da UniFAI é aprovado em São Paulo
O anúncio da seleção foi dado pelo próprio secretário Márcio Fernando Elias Rosa (segundo, na foto) ao reitor da UniFAI durante sua visita nesta quarta-feira, 28 de fevereiro, à sede da Secretaria de Justiça e Defesa da Cidadania. Na ocasião, o Prof. Dr. Paulo Sergio estava acompanhado pelo prefeito de Adamantina, Márcio Cardim (DEM), e pelo coordenador político Mauro Bragato (PSDB). O anúncio da seleção foi dado pelo próprio secretário Márcio Fernando Elias Rosa (segundo, na foto) ao reitor da UniFAI durante sua visita nesta quarta-feira, 28 de fevereiro, à sede da Secretaria de Justiça e Defesa da Cidadania. Na ocasião, o Prof. Dr. Paulo Sergio estava acompanhado pelo prefeito de Adamantina, Márcio Cardim (DEM), e pelo coordenador político Mauro Bragato (PSDB).

A Secretaria de Justiça e Defesa da Cidadania do Estado de São Paulo selecionou nesta semana o pedido de recursos para a execução do projeto do Centro Integrado de Pesquisas e Preservação das Abelhas (CIPAF) no Centro Universitário de Adamantina (UniFAI), protocolado pelo reitor da Instituição, Prof. Dr. Paulo Sergio da Silva, em dezembro na capital paulista.
As próximas fases desse processo consistem na aprovação do projeto pela Secretaria, seguida da assinatura de convênio e liberação de recursos.
Pela proposta, os recursos solicitados para a execução do projeto somam aproximadamente R$ 1 milhão e o valor, caso aprovado, será originado do Fundo Estadual de Defesa dos Interesses Difusos (FID). “Esse projeto tem vários objetivos, entre eles a construção de um apiário modelo que contribuirá para as pesquisas voltadas ao melhoramento genético das abelhas e colmeias e a implantação de uma estufa para a produção de mudas apícolas e melíferas, a fim de recuperar o pasto apícola de Adamantina e região”, informou o reitor.
Outra meta do projeto, desenvolvido pelos professores doutores e docentes da UniFAI Delcio Cardim (então coordenador de convênios e projetos institucionais, atualmente pró-reitor de Extensão), José Aparecido dos Santos (coordenador geral de pesquisa, ligado à Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação) e Vagner Amado Belo de Oliveira (coordenador de extensão do Departamento de Agrárias e Exatas, ligado à Pró-Reitoria de Extensão), é a realização de cursos e oficinas de atualização em apicultura e meliponicultura a apicultores.
“O projeto parte do princípio de que não adianta fazer trabalhos de recuperação e revitalização ambiental de áreas degradadas com plantios de mudas se não existirem os polinizadores e aí está a importância das abelhas, que atuam como polinizadoras, preservando o bioma de Mata Atlântica na bacia do rio Feio [Aguapeí] e na produção de alimentos”, completou o Prof. Dr. José Aparecido dos Santos.
O CIPAF prevê ainda a formação de uma Central de Produção de Rainhas e de Melhoramento Genético, para servir a comunidade em geral e preservar as abelhas e o meio ambiente. “Com isso, diversos cursos da UniFAI, como Ciências Biológicas, Farmácia, Agronomia, Agronegócios, Engenharia Ambiental, Química, Engenharia de Alimentos, até mesmo a Odontologia e a Medicina, podem desenvolver pesquisas e produtos utilizando os derivados das abelhas”, explicou Santos.
O anúncio da seleção foi dado pelo próprio secretário Márcio Fernando Elias Rosa ao reitor durante sua visita nesta quarta-feira, 28 de fevereiro, à sede da Secretaria de Justiça e Defesa da Cidadania. Na ocasião, o Prof. Dr. Paulo Sergio estava acompanhado pelo prefeito de Adamantina, Márcio Cardim (DEM), e pelo coordenador político Mauro Bragato (PSDB).

 
Nenhum comentário até o momento, Clique aqui para comentar!
 

Publicidade

Massa FM
goodU

Publicidade

Life FM
Diario