Siga Mais

Publicidade

Cinema
Auto Posto Cocipa

Publicidade

Clinica Lu Applim
UniFAI 1

Siga Mais » Notícias » Esportes

Esportes

JORI termina com sucesso de organização e Adamantina na 9ª posição

10:23 atualizado: 13/02/2018 18:16

Competição foi elogiada pelo público local e regional, pela acolhida e organização.

Por: Da Redação

http://www.sigamais.com/noticias/esportes/jori-termina-com-sucesso-de-organizacao-e-adamantina-na-9-posicao/ JORI termina com sucesso de organização e Adamantina na 9ª posição
Foto: Sejel. Foto: Sejel.

Chegou ao fim, neste domingo (11) o 22º JORI (Jogos Regionais dos Idosos) de Adamantina. A competição foi realizada ao longo da semana (6 a 11) e reuniu 2.081 pessoas, entre atletas, dirigentes de delegações, comitê organizador, comitê dirigente e árbitros. Participaram competidores de 60 cidades das regiões de Presidente Prudente, Marília e Assis.
As disputas acontecem em diversas praças esportivas da cidade e movimentaram Adamantina. Foram palco das competições o Ginásio Municipal de Esportes Paulo Camargo, ETEC Eudécio Luiz Vicente, ATC, Pista de Atletismo da Acrea, Salão Social da Acrea, Campo do Jardim Alamandas, Centro Comunitário Dirço Latini, Campus 3 e Ginásio da Escola Navarro de Andrade.
Já as modalidades disputadas no 22º JORI de Adamantina foram atletismo (masculino/feminino), bocha (misto), buraco (masculino/feminino), coreografia (misto), damas (masculino/feminino), dança de salão (misto), dominó (masculino/feminino), malha (misto), natação (masculino/feminino), tênis (masculino/feminino), tênis de mesa (masculino/feminino), truco (misto), voleibol adaptado (masculino/feminino) e xadrez (masculino/feminino).
É a segunda vez que Adamantina sedia o JORI. A primeira foi em 2006, e agora – 12 anos depois – a competição volta a acontecer na cidade. A competição é uma realização do Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo (FUSSESP) e Secretaria Estadual do Esporte, Lazer e Juventude (SEJEL).
Em âmbito local, a organização mobilizou toda a estrutura da Prefeitura de Adamantina, sob a liderança da presidente do Fundo Social de Solidariedade local, Terezinah Fredi, e do Secretário Municipal de Esportes, Lazer e Recreação, Ronaldo Pereira Dutra, com o suporte de diversas secretarias municipais, sobretudo as secretarias de Obras e Serviços (apoio geral), Assistência e Desenvolvimento Social (apoio geral), Educação, UniFAI e Diretoria Regional de Ensino (cessão das escolas para alojamentos). Veja aqui o hotsite do Jori Adamantina.

Organização elogiada

A organização, a recepção e o calor humano vividos pelos atletas, em Adamantina, foram elogiados por grande parte das delegações, que durante todo o evento compartilharam a satisfação com o evento, em todos os aspectos, e ao final, após deixarem Adamantina, enviaram mensagens aos dirigentes locais.
Pelas redes sociais, o prefeito Márcio Cardim repercutiu os resultados. “Dizer muito obrigado é pouco por tudo o que fizeram por nós e nossa cidade. Foi, acima de tudo, uma grande emoção. E nossa alegria se completou pelos novos amigos que fizemos. Isso foi para nós o maior troféu”, escreveu.

Desempenho de Adamantina

O último boletim divulgado pela organização do JORI revelou o saldo final dos municípios, na competição. Adamantina obteve a 9ª classificação no quadro geral, com 35 pontos. Desses, 11 foram conseguidos em provas femininas, 9 em provas masculinas e 15 em provas mistas.
O município campeão do JORI foi Assis (152 pontos). Em segundo lugar Presidente Prudente (146 pontos) e em terceiro Ourinhos (93 pontos).
Considerando as modalidades disputadas por Adamantina, vela as classificações:
- 1º lugar em dança de salão
- 3ª lugar em malha
- 4º lugar em vôlei feminino “A”
- 6º lugar em natação masculino
- 7º lugar em xadrez masculino
- 7º lugar em vôlei masculino “B”
- 7º lugar em buraco masculino
- 8º lugar em buraco feminino

JORI em números

Segundo números divulgados pelo JORI, das 2081 pessoas diretamente envolvidas com a competição, 708 são atletas masculinos e 797 femininos, totalizando 1.505 competidores, que formaram 256 equipes masculinas e 215 equipes masculinas, no total de 461 equipes. Já entre os dirigentes das delegações, 190 eram homens e 131 mulheres, totalizando 321 pessoas.
No comitê organizador eram 65 mulheres e 55 homens, no total de 120 pessoas. Pelo comitê dirigente, 19 mulheres e 20 homens, envolvendo 39 pessoas. Entre os árbitros da competição, foram 36 mulheres e 60 homens, no total de 96 profissionais.

Abertura com Lu Alckmim

A abertura do 22º JORI foi na tarde de quarta-feira (7), no Ginásio Municipal de Esportes Paulo Camargo, com a presidente do Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo (FUSSESP), Lu Alckmim.
O local recebeu cada uma das 61 delegações, acolhidas por autoridades locais e regionais e pelo público que lotou as dependências do Ginásio de Esportes. Em seguida, autoridades locais e presidente do FUSSESP, Lu Alckmin, discursaram na solenidade.
Após, aconteceu um momento marcante, de muita emoção, com a participação dos atletas adamantinenses Maria do Carmo de Paiva Zapparoli (Carminha) e José Pereira de Souza Filho (Professor Paulista), que conduziram a tocha e acenderam a pira com a chama olímpica.

 
Nenhum comentário até o momento, Clique aqui para comentar!
 

Publicidade

Microdata

Publicidade

Life FM
Diario
Massa FM