Siga Mais

Publicidade

goodU
Nativa FM
Cinema
Cocipa
UniFAI 1

Publicidade

Via Japan

Siga Mais » Notícias » Ensino Superior

Ensino Superior

Site Petição Pública traz abaixo assinado contra nomeação realizada pela UniFAI

11:29 atualizado: 06/02/2018 11:29

Texto atribui iniciativa aos estudantes de medicina, que pedem cancelamento de nomeação.

Por: Da Redação

http://www.sigamais.com/noticias/ensino-superior/site-peticao-publica-traz-abaixo-assinado-contra-nomeacao-realizada-pela-unifai/ Site Petição Pública traz abaixo assinado contra nomeação realizada pela UniFAI
Site Petição Pública traz abaixo assinado contra nomeação realizada pela UniFAI

Uma notícia distribuída à imprensa na última sexta-feira (2) pela assessoria de comunicação do Centro Universitário Adamantina (UniFAI), sobre novas nomeações internas realizadas pelo reitor, Prof. Dr. Paulo Sergio da Silva, causou reações internas e externas.
Após a publicação pela imprensa, a repercussão foi imediata, sobretudo pelas redes sociais, versando sobre eventual prática de nepotismo ou nepotismo cruzado, em torno de nomeações em cargos em comissão (de confiança), do irmão e da mulher do prefeito Márcio Cardim, já que a Prefeitura de Adamantina é mantenedora da UniFAI e o reitor é nomeado pelo chefe do executivo.
A manifestação mais radical teria partido dos estudantes do curso de medicina, a quem é atribuída à autoria de uma nota de repúdio disponível no site Petições Públicas.

As mudanças anunciadas pela UniFAI

Segundo nota à imprensa distribuída pela assessoria da UniFAI (reveja aqui), as principais mudanças estão na Pró-Reitoria de Extensão, na qual o Prof. Dr. Delcio Cardim assume a vaga; na Coordenadoria de Convênios e Projetos Institucionais, que agora passa a ter o ex-diretor geral da FAI Prof. Dr. Wendel Cleber Soares como responsável, no lugar de Delcio Cardim; e no Departamento de Medicina, que passa, agora, a ter a Prof.ª Dra. Marisa Furtado Mozini Cardim como chefe.
As modificações se estendem também para as coordenações de alguns cursos. No Direito assume o Prof. Me. Igor Terraz Pinto; a Prof.ª Me. Siomara Augusta Ladeia Marinho, coordenadora dos cursos de Pedagogia e Matemática, também passa a responder por História e Geografia; o Prof. Me. Valter Dias da Silva, coordenador de Farmácia, agrega também a Química; o chefe do Departamento de Exatas Prof. Dr. José Luiz Vieira de Oliveira responderá temporariamente pela coordenação dos cursos de Ciência da Computação e Análise de Sistemas; a chefe do Departamento de Ciências Humanas Prof.ª Dra. Ieda Cristina Borges também responderá temporariamente pela coordenação dos cursos de Administração e Ciências Econômicas; e a Medicina passa a ser coordenada pelo Prof. Dr. Miguel Ângelo De Marchi.
A mudança é imediata e passou a valer nesta quinta-feira, dia 1º. Ainda segundo a nota à imprensa, as trocas de nomes em cargos são praxe e visam redução de custos em alguns setores. “Existem muitas situações em que um gestor necessita tomar algumas decisões cruciais para a empresa crescer. Pensando nisso, foi realizado um estudo e um alinhamento de ações que resultaram em tomadas de decisões para que nosso projeto pudesse continuar mantendo a tríade escopo, tempo e custo”, justificou o reitor, Prof. Dr. Paulo Sergio da Silva. “Gerenciar um serviço necessita de mudanças rápidas e que acompanhem o cenário competitivo em que ela está inserida”, completou.

Petição pública: estudantes pedem cancelamento da nomeação e ameaçam com não pagamento de mensalidades e denúncias.

Neste sábado (3), um dia após o anúncio das mudanças, uma das reações mais duras em torno das decisões do reitor foi uma nota de repúdio disponível no site Petições Públicas (veja aqui), contra a nomeação da Prof. Dra. Marisa Cardim – cuja graduação é em enfermagem - para o cargo de Chefe de Departamento de Medicina da UniFAI. A petição é dirigida à reitoria da autarquia.
Segundo o Petições Públicas, “pela própria semântica da palavra enfermeira no título acima, fica evidente a incoerência da instituição de ensino, uma vez que tal função é, ou deveria ser, exercida por alguém graduado em medicina, para todos os efeitos legais. É nosso dever, como futuros médicos, resguardar atividades que são privativas do médico”, diz o texto, que cita a Lei 12.842/2013 - Dispõe sobre o exercício da Medicina - Art. 5º: São privativos de médico: IV - coordenação dos cursos de graduação em Medicina, dos programas de residência médica e dos cursos de pós-graduação específicos para médicos. “Como o curso terá credibilidade se a Chefia, que está acima da Coordenação, não respeita a legislação específica sobre o tema?”, questiona a petição. 
O texto continua ao mencionar que “a presente nota não tem pretensão de menosprezar qualquer profissional de enfermagem, os quais são essenciais para a realização e suporte do dia a dia hospitalar. O único objetivo é trazer de volta o bom senso à Reitoria e estabelecer que o cargo de Chefe de Departamento seja ocupado por um profissional graduado no mesmo curso que irá chefiar. Ainda mais quando se trata de um curso com tantas especificidades como a medicina”.
Por fim, os estudantes cobram da reitoria que reveja a decisão e cancele a nomeação, sob ameaça de medidas mais radicais. “Diante de tal atitude, os alunos vem, por meio desse abaixo assinado, representar sua incoerência perante a instituição de ensino e conceder o prazo de 3 dias úteis para que a nomeação seja cancelada, sob pena de atitudes mais drásticas, incluindo o inadimplemento das Mensalidades e consulta/denúncia junto ao Conselho Regional de Medicina e o Ministério da Educação, em busca de um posicionamento acerca do tema”(sic), finaliza a petição.
Por volta das 10h da manhã desta segunda-feira (5) a petição contava com mais de 360 assinaturas.

Vereadores vão cobrar explicações

Por meio de requerimento, os vereadores da Câmara Municipal de Adamantina devem apresentar na sessão ordinária desta segunda-feira (5) um pedido de informações, direcionado à reitoria da UniFAI, acerca das nomeações questionadas. Se aprovado o requerimento, o prazo para reposta é de 15 dias.

 
1 comentários, Clique aqui para comentar!

Comentários

SÉRGIO BARBOSA

QUE ASSIM SEJA!
AINDA, QUEM VIVER, VAI VER...

 

Publicidade

Massa FM
goodU

Publicidade

Life FM
Diario