Siga Mais

Publicidade

Cinema
Cocipa

Publicidade

UniFAI 1
Clinica Lu Applim

Siga Mais » Notícias » Polícia

Polícia

Polícia Ambiental faz apreensões de barco, materiais de pesca e autua pescador no Salto Botelho

19:18 atualizado: 05/12/2017 09:58

Operação Piracema, da Polícia Militar Ambiental, aconteceu no Salto Botelho, em Lucélia.

Por: Da Redação

http://www.sigamais.com/noticias/policia/policia-ambiental-faz-apreensoes-de-barco-materiais-de-pesca-e-autua-pescador-no-salto-botelho/ Polícia Ambiental faz apreensões de barco, materiais de pesca e autua pescador no Salto Botelho
Operação Piracema, da Polícia Militar Ambiental, aconteceu no Salto Botelho, em Lucélia. Foram apreendidos barco, materiais de pesca pescador foi autuado por pesca proibida (Foto: Cedida/Polícia Ambiental). Operação Piracema, da Polícia Militar Ambiental, aconteceu no Salto Botelho, em Lucélia. Foram apreendidos barco, materiais de pesca pescador foi autuado por pesca proibida (Foto: Cedida/Polícia Ambiental).

A Polícia Militar Ambiental realizou na manhã deste sábado (2) no Rio Aguapeí, altura do Salto Botelho, em Lucélia, uma operação de fiscalização que resultou na lavratura de um auto de multa contra um pescador, além da apreensão de barco e materiais de pesca, além da soltura de peixes.
A ação foi desenvolvida dentro da Operação Piracema, com viatura, pessoal e embarcação. Participaram da fiscalização os policiais Sargento Silis, Cabo Antonio Carlos, Cabo Tanganini e Soldado Cremonese.
O primeiro registro da operação foi às 6h30, quando os policiais avistaram a aproximação de um barco com dois tripulantes. Ao perceberem a presença dos policiais, as duas pessoas mergulharam no Rio Aguapeí e adentraram em uma mata, tomando rumo ignorado.
Eles abandonaram o barco com o motor ligado e engatado. No interior da embarcação, os policiais encontraram materiais de pesca, com destaque para 22 anzóis de galho, além de um peixe da espécie Pintado, com 1,2 m e 12 quilos, e um peixe da espécie Piau, com 15 cm e pesando 500 gramas, ainda vivos.
Os dois exemplares de peixes foram devolvidos ao Rio e a embarcação e materiais de pesca apreendidos pela equipe.
O segundo registro foi às 7h30, quando nas proximidades da cachoeira os policias avistaram um pescador utilizando-se de rede de pesca, e com ele um exemplar de peixe. O pescador foi autuado por infringir a legislação ambiental, com destaque para a violação ao período de defeso da piracema, sendo multado em R$ 730. O exemplar de peixe foi destruído, por estar sem conservação, e dispensado no meio ambiente.
O terceiro caso foi às 9h30 e envolveu a localização e apreensão de materiais de pesca, abandonados pelo local. Foram localizados e apreendidos 10 anzóis de galho e duas redes.
Todos os registros serão apresentados via ofício à Delegacia da Polícia Civil de Lucélia, para as demais providências aplicáveis a cada caso.

 

 

Fotos

 
Nenhum comentário até o momento, Clique aqui para comentar!
 

Publicidade

Microdata

Publicidade

Massa FM
Life FM