Siga Mais

Publicidade

Cinema
goodU
Cocipa
Nativa FM

Publicidade

Clinica Lu Applim
Unifai 2
UniFAI 1
Radio Brasil
93 FM

Siga Mais » Colunas » Memória

Memória

Dois de abril ou treze de junho? Quando se comemora o aniversário de Adamantina?

08:33

Uma breve história de como se deu a troca do aniversário da cidade.

Por: Tiago Rafael dos Santos Alves | Historiador

http://www.sigamais.com/colunas/memoria/dois-de-abril-ou-treze-de-junho-quando-se-comemora-o-aniversario-de-adamantina/ Dois de abril ou treze de junho? Quando se comemora o aniversário de Adamantina?
Dois de abril ou treze de junho? Quando se comemora o aniversário de Adamantina?

“Adamantina surge altaneira
Entre as primeiras de nossa nação”
(Hino de Adamantina - Raul Thomaz Oliveira do Valle)

***

Quando se fala em aniversário da cidade de Adamantina, entramos em tema bem curioso e interessante. A data “original” de instalação do município, a qual era comemorada como aniversário da cidade, foi alterada após alguns anos.

Pois bem, vejamos alguns fatos: Em 1937, temos a chegada dos primeiros loteadores e vendedores de terras, estes ligados a Companhia Agrícola de Imigração e Colonização (CAIC); Em 1938, o trecho que ligava a cidade de Adamantina a Tupã já estava concluído; Em 1939, os loteamentos já iniciavam as suas construções; Em menos de dez anos a cidade já possuía diversas edificações e residências, o que viria a favorecer a sua emancipação político-administrativa.

Nesse sentido, em 24 de dezembro de 1948 é sancionada a Lei de nº 233, que cria definitivamente o município de Adamantina. Diante disso, cabia realizar a instalação do município e a posse de prefeito e vereadores. Esta por sua vez foi realizada no dia 02 de abril de 1949.

Mas, de onde veio o 13 de junho? A alguns anos desenvolvi um trabalho com alguns alunos que também tinham tal dúvida. O primeiro passo foi localizar a lei que alterava tal data. Tratava-se da Lei de nº 843 de 27 de maio de 1967, sendo um de seus autores o então vereador, Prof. Fernando Chagas Fraga (veja abaixo).

Segundo o edil, a justificativa para tal mudança se deu em virtude de um pedido do pároco local, o Monsenhor Manoel Gonzáles, pois as festividades em comemoração ao aniversário da cidade acabavam coincidindo com a “Semana Santa”, o que para a época era um sinônimo de “desrespeito”. Para os católicos, que eram maioria na cidade, este é um período de reflexão e meditação acerca da paixão e morte de Cristo e não caberiam comemorações nesse intervalo de tempo.

A lei em questão foi embasada com tal justificativa e posteriormente aprovada. Sendo então a data alterada para o dia do padroeiro da cidade, Santo Antônio, em 13 de junho. Desde então, o aniversário da cidade de Adamantina é comemorado nesta data, ou seja, a mais de 50 anos.

Atualmente, muitos moradores que conhecem a história toda, não concordam com essa mudança, no entanto esta data já se incorporou à memória local e faz parte de mais uma das curiosidades da “Cidade Jóia. ”

Tiago Rafael dos Santos Alves é historiador. Acesse aqui seu perfil.
 

 

Fotos

 
1 comentários, Clique aqui para comentar!

Comentários

SÉRGIO BARBOSA

QUE ASSIM SEJA!

 

Publicidade

Massa FM
goodU

Publicidade

Diario
Life FM