Polícia

Em operação contra tráfico de drogas, Polícia Civil apreende nota falsa de R$ 420

Seis pessoas foram presas. Nota de R$ 420 faz alusão ao horário conhecido para consumo de drogas.

Por: Da Redação atualizado: 19:17
Cédula falsa de R$ 420 faz alusão ao horário conhecido para consumo de drogas (Divulgação/Polícia Civil). Cédula falsa de R$ 420 faz alusão ao horário conhecido para consumo de drogas (Divulgação/Polícia Civil).

Nesta segunda-feira, a 2ª Delegacia de Investigação Sobre Entorpecentes (2ª DEIC/DISE) deflagra nas cidades de Presidente Prudente e Dracena a segunda fase da Operação Taric, que visa o combate aos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Segundo a Polícia Civil, em Presidente Prudente as ações tiveram alvos em sete bairros (Cecap, São Bento Watal Ishisbahi, Vila Marina, Bela Vista, Jardim Brasília e Vila Furquim). Em Dracena, a Operação aconteceu no bairro Vila Lucélia, onde foram cumpridos sete mandados de prisão temporária e onze mandados de busca e apreensão domiciliar, resultando na prisão temporária de seis homens e em uma prisão em flagrante. 

De acordo com a Polícia Civil, foram apreendidas drogas, balanças, quantia em dinheiro, bem como aparelhos eletrônicos (Leia abaixo, ao final da reportagem, conteúdo de atualização sobre novas prisões e apreensão de drogas).

(Divulgação/Polícia Civil).

(Divulgação/Polícia Civil).

O que chamou a atenção, na Operação, foi a ousadia de um dos presos, que detinha em seu poder uma cédula, de falsificação grosseira, no valor de R$ 420. Na cédula, símbolos alusivos ao consumo de maconha, com foto da planta e do bicho preguiça. A alusão a R$ 420 decorre do horário mundialmente conhecido como do consumo de droga maconha, às 4h20 PM (16h20).  

A primeira fase da investigação foi deflagrada em meados de agosto de 2020, perdurando por aproximadamente quatro meses investigação dos fatos. Os presos serão encaminhados para a Cadeia Pública de Presidente Venceslau.  

Polícia explica o 4h20

A Polícia Civil explica que esse código surgiu em 1971, na cidade norte-americana de San Rafael, na Califórnia. Foi criado por um grupo de estudantes que se encontravam em um muro do lado de fora da escola para conversar e fumar maconha, todos os dias, às 4h20, horário que se disseminou como um código secreto entre os usuários. Atualmente, camisetas, bonés, chaveiros, dechavadores são comercializados com a sigla 4h20, chamando a atenção da investigação a cédula acima mencionada. (Continua após a publicidade...)

Publicidade

Clínica Savi
Supermercado Godoy

Publicidade

Rede Sete Supermercado
Daiane Mazarin Estética
JVR Segurança

Atualização: novas prisões e apreensão de drogas

Durante os trabalhos da “Operação Taric”, pela manhã desta segunda-feira, o Setor de Inteligência da 2ª DISE/DEIC de Presidente Prudente recebeu informação sobre carregamento de drogas provenientes do Estado do Mato Grosso Sul que distribuiria drogas na cidade de Presidente Prudente e outra cidade. O transporte era feito em rodovia da região.

O setor de inteligência policial identificou pessoas que exerciam a função de batedores, em apoio ao transporte da droga. Esses batedores seguiam em veículo, à frente do carregamento, para fornecer informações sobre a presença de policiamento na rodovia. Os policiais também conseguiram identificar o veículo que transportava a droga.

(Divulgação/Polícia Civil).

Assim, os policiais da 2ª DISE/DEIC solicitaram apoio da Polícia Militar Rodoviária, cuja ação policial foi exitosa e resultou na prisão em flagrante de 5 homens, apreensão de 148,4 quilos de maconha e 1,022 quilo de haxixe.

(Divulgação/Polícia Civil).

(Divulgação/Polícia Civil).

Publicidade

Tio Panda Adamantina

Publicidade

Insta do Siga Mais
Cinema