Geral

Passagens de ônibus ficam 9,09% caras no estado de SP

Nas linhas rodoviárias foi aplicado o índice de 4,16% e nas linhas suburbanas, 9,09%.

Por: Da Redação
Viajar de ônibus ficou mais caro no Estado de São Paulo, com novos reajustes autorizados pela ARTESP (Pixabay). Viajar de ônibus ficou mais caro no Estado de São Paulo, com novos reajustes autorizados pela ARTESP (Pixabay).

Em meio ao noticiário sobre a pandemia de coronavírus (Covid-19), que tem prevalecido nos meios de comunicação, as passagens de ônibus ficaram mais caras a partir da zero hora do último domingo (15), quando entrou em vigor o reajuste das linhas do Sistema de Transporte Intermunicipal de Passageiros do Estado de São Paulo.

Os reajustes foram autorizados pela ARTESP (Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte do Estado de São Paulo). Nas linhas rodoviárias foi aplicado o índice de 4,16% e nas linhas suburbanas, 9,09%. Os novos valores valem para as linhas intermunicipais do Estado de São Paulo, exceto as que operam dentro das regiões metropolitanas – essas são regulamentadas pela EMTU.  (Continua após a publicidade...)

Publicidade

Supermercado Godoy
Clínica Savi

Publicidade

JVR Segurança
Dra Maria Gabriela Tiveron
Daiane Mazarin Estética
Rede Sete Supermercado

Segundo a ARTESP, o cálculo do reajuste representa a recomposição de custos operacionais entre outubro de 2018 e novembro de 2019. Para chegar aos percentuais de reajuste, foram consideradas as variações de diversos itens como chassis dos ônibus, que aumentaram 5,54% no caso do rodoviário e 16,15% no caso do suburbano, além do salário dos funcionários do setor, que aumentou 5,07% no período, entre outros indicadores. O reajuste anterior dos ônibus intermunicipais havia ocorrido há mais de um ano, em janeiro de 2019.

Atualmente, no Estado de São Paulo, há em circulação 542 linhas rodoviárias e 369 linhas suburbanas, com uma frota de 4.504 veículos.

Publicidade

Clinica Lu Applim
Cinema

Publicidade

Insta do Siga Mais