Coronavírus

SP antecipa de 12 para 8 semanas aplicação da segunda dose da Pfizer

Medida entra em vigor sexta-feira (24) e vale para todo o estado.

Por: Agência Brasil atualizado: 23 de setembro de 2021 | 20h29
Intervalo de vacinação entre primeira e segunda doses, com Pfizer, foi reduzido de 12 semanas para 8 semanas (Foto: Myke Sena/MS). Intervalo de vacinação entre primeira e segunda doses, com Pfizer, foi reduzido de 12 semanas para 8 semanas (Foto: Myke Sena/MS).

O governo de São Paulo decidiu antecipar em quatro semanas a aplicação da segunda dose da vacina contra covid-19 para aqueles que tomaram o imunizante da Pfizer/BioNTech como primeira dose. Com isso, em vez do intervalo para a segunda dose ocorrer após 12 semanas da primeira aplicação, a segunda dose será aplicada oito semanas após a primeira.

A medida entra em vigor na sexta-feira (24) e vale para os 645 municípios do estado de São Paulo. De acordo com o governo, a medida deve beneficiar cerca de 6,9 milhões de pessoas que já foram imunizadas com a primeira dose da Pfizer.

Publicidade

Supermercado Godoy
Clínica Savi

Publicidade

Rede Sete Supermercado
Daiane Mazarin Estética
JVR Segurança

Especialistas têm recomendado a antecipação da segunda dose da vacina contra a covid-19 para tentar frear o aumento dos casos da Delta, que já é a variante predominante na cidade de São Paulo.

O governo recomenda que as pessoas que receberam a primeira dose da Pfizer/BioNTech confiram a sua carteira de vacinação e contem 28 dias antes da data anteriormente prevista para a aplicação da segunda dose.

Publicidade

Cóz Jeans
Tio Panda Adamantina

Publicidade

Insta do Siga Mais