Cidades

Trio de juízes recebe títulos de Cidadãos Adamantinenses

Juízes receberam honrarias da Câmara Municipal e órgão penitenciário é homenageado pelo Judiciário.

Por: Da Redação atualizado: 12 de novembro de 2019 | 08h56
Os três juízes homenageados e os vereadores da Câmara Municipal de Adamantina presentes à solenidade (Fotos: Milton Ura). Os três juízes homenageados e os vereadores da Câmara Municipal de Adamantina presentes à solenidade (Fotos: Milton Ura).

Na presença de autoridades dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, de representantes das polícias Civil e Militar e da Secretaria da Administração Penitenciária (SAP), de organizações da sociedade civil e do público em geral, os três juízes da Comarca de Adamantina, Ruth Duarte Menegatti, Fábio Alexandre Marinelli Sola e Carlos Gustavo Urquiza Scarazzato, receberam na noite desta sexta-feira (8) os títulos Cidadãos Adamantinenses, conferidos em maio deste ano pela Câmara Municipal de Adamantina.

A entrega oficial da mais alta honraria do Poder Legislativo adamantinense aconteceu no auditório do campus II do Centro Universitário de Adamantina (UniFAI), durante a tradicional solenidade realizada anualmente pelo Poder Judiciário em homenagem ao patrono da Comarca, “Desembargador Alberto Marino Junior”.

Autoridades presentes à sessão de homenagens (Foto: Milton Ura).

O primeiro título de Cidadã Adamantinense foi entregue à juíza Ruth Duarte Menegatti, titular da 3ª Vara da Comarca de Adamantina e diretora do fórum local. Ela está há 11 anos na cidade e tem liderado importantes mobilizações comunitárias, entre as quais a iniciativa que desencadeou a revitalização da atual clínica Pai Nosso Lar. A homenageada atua ainda com destaque na mobilização educacional e nas causas ligadas à proteção e defesa aos animais. A homenagem foi proposta e liderada pela vereadora Dinha Gil, acompanhada pelos vereadores Acácio Rocha, Eduardo Fiorillo, Hélio José dos Santos e Aguinaldo Galvão.

Ruth Duarte Menegatti e a vereadora Dinha Gil (Foto: Milton Ura).

O segundo título de Cidadão Adamantinense foi entregue ao juiz Fábio Alexandre Marinelli Sola. A liderança e iniciativa da homenagem são do vereador Hélio José dos Santos, acompanhado pelos vereadores Dinha Gil, Eduardo Fiorillo, Aguinaldo Galvão e Acácio Rocha. O homenageado também está em Adamantina há 11 anos, onde é titular da 1ª Vara da Comarca local e juiz auxiliar do Departamento de Execuções Criminais da 5ª Região Administrativa do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJSP), responsável por acompanhar 11 presídios da região (Tupi Paulista a Osvaldo Cruz). Fábio Sola tem atuado na mobilização de reeducandos do sistema penitenciário para melhorias e recuperação de espaços públicos.

Fábio Alexandre Marinelli Sola e o vereador Hélio José dos Santos (Foto: Milton Ura).

O terceiro homenageado com o título de Cidadão Adamantinense foi o juiz Carlos Gustavo Urquiza Scarazzato, por iniciativa e liderança do vereador João Davoli, acompanhado dos vereadores Paulo César Cervelheira e Acácio Rocha. Ele é titular da 2ª Vara da Comarca de Adamantina e responde também pela Vara da Infância e Juventude, onde tem importante trabalho local em ações de incentivo à adoção. Outro destaque da atuação do homenageado se dá no episódio que envolve a Santa Casa, que vivencia um período de reorganização interna, revitalização e investimentos, sob a liderança dos freis da Associação e Fraternidade São Francisco de Assis na Providência de Deus, onde a participação do magistrado foi decisiva para essa nova realidade, de grandes perspectivas para os avanços na atenção hospitalar prestada aos moradores de Adamantina e região.

Carlos Gustavo Urquiza Scarazzato e o vereador João Davoli (Foto: Milton Ura).

Os três projetos de decretos legislativos receberam aprovação unânime na votação em plenário, realizada na Câmara Municipal de Adamantina em maio. (Continua após a publicidade...)

Publicidade

Supermercado Godoy
Clínica Savi
Tio Panda Adamantina

Publicidade

Daiane Mazarin Estética
JVR Segurança
Haddad
Rede Sete Supermercado

Mais homenagens

Dentro da solenidade do Dia do Patrono da Comarca de Adamantina, “Desembargador Alberto Marino Junior”, foram realizadas outras homenagens pelo Poder Judiciário local, uma delas dirigida à Coordenadoria das Unidades Prisionais da Região Oeste (Croeste), recebida pelo seu coordenador, Roberto Medina.

Roberto Medina e Alberto Marino Neto (Foto: Milton Ura).

A homenagem foi justificada pela atuação da Croeste em parceria com o Poder Judiciário e o poder público municipal na inserção de reeducandos do sistema prisional para atividades de recuperação e revitalização de prédios e espaços públicos.  Em Adamantina, os reeducandos realizaram diversas ações, em espaços como ginásio de esportes, estádio, CIS, Santa Casa, Pai Nosso Lar, Casa do Garoto, Lar dos Velhos, entre outras.

O coordenador da Croeste recebeu a homenagem pelas mãos do desembargador do TJ/SP, Alberto Marino Neto, filho do patrono da Comarca de Adamantina, presente à solenidade.

Outra homenagem ao coordenador da Croeste foi a Moção de Congratulações e Aplausos Nº 029/2019, de 21 de outubro de 2019, liderada pelo presidente da Câmara Municipal Eder Ruete, e acompanhada por todos os vereadores, onde o Poder Legislativo de adamantina parabeniza e demonstra reconhecimento a todos os diretores, membros e colaboradores das penitenciárias da região, pelos relevantes serviços prestados no desenvolvimento de vários projetos e parcerias com o município de Adamantina e outras cidades da região.

Eder Ruete e Roberto Medina (Foto: Milton Ura).

A memória do patrono da Comarca também foi destacada e homenageada na noite, com destaque para a fala de seu filho, o desembargador Alberto Marino Neto, bem como pela participação da banda do 25º Batalhão da Polícia Militar, que executou uma peça musical criada pelo patrono, a valsa-choro “Rapaziada do Brás”. A corporação musical da PM também executou o Hino Nacional Brasileiro, na abertura solene do evento.

Palestra

Ainda na solenidade, foi realizada uma palestra sobre os índices de segurança pública de Adamantina, e a integração das forças de segurança, pelas polícias civil e militar, com o Poder Judiciário e ministério público, na cidade.

Coronel Franco Nassaro realizou palestra sobre segurança pública (Foto: Milton Ura).

O tema foi exposto pelo comandante do CPI-8 (Comando de Policiamento do Interior de Presidente Prudente), coronel PM Adilson Luís Franco Nassaro, que contextualizou números universais, estaduais e locais, sobre segurança pública.  

Publicidade

Dra Maria Gabriela Tiveron
Iogurtes Carolina

Publicidade

Auto Doc

Publicidade

Clinica Lu Applim
Cinema

Publicidade

Insta do Siga Mais