Crônicas Provincianas

“Era uma vez” na Província do faz de conta...

Quem conhece as fábulas ou estórias da carochinha vai saber disto e aquilo...

Sérgio Barbosa | Jornalista diplomado e professor universitário | barbosa.sebar@gmail.com Colunista
Sérgio Barbosa | Jornalista diplomado e professor universitário | barbosa.sebar@gmail.com
(Foto de Daisy Anderson no Pexels). (Foto de Daisy Anderson no Pexels).

“A vida assim como os / contos de fadas são / repletas de ...ERA UMA
VEZ... / a diferença é que nos / contos de fadas o final é feliz / ...na vida a realidade é outra !!!!!!!!!!!” (Adones)

Não tem como deixar de escrever sobre o atual cenário provinciano, ainda, tendo em vista os desencontros que estão ocorrendo em todas as áreas deste e do outro lado do poder institucionalizado...

Por mais ações patrocinadas pelo GESTOR que atua como EXECUTOR disto ou daquilo, bem como, acima de TUDO e de TODOS/AS, ainda, impondo suas vontades por meio das suas VERDADES...

Entretanto, espera-se que o LEGISLATIVO local possa daqui pra frente colocar o sistema da FISCALIZAÇÃO pra funcionar, tal qual uma das missões dos LEGISLADORES que foram eleitos e reeleitos para este mandato...

Porém, como sempre, tudo pode ocorrer daqui pra frente em tempo de PANDEMIA nesta PROVÍNCIA DO FAZ DE CONTA, todavia, fica o registro do dito popular que afirma, a saber: A MELHOR DEFESA É O ATAQUE...

O outro lado, aquele que exerce o PODER INSTITUCIONALIZADO pelo voto democrático e tudo mais em meio ao tudo de menos, pode continuar com as mesmas táticas adotadas nos anos anteriores e assim por diante...

Mas, espera-se que a COMUNIDADE PROVINCIANA possa ficar em ESTADO DE ALERTA neste cenário um tanto quanto complicado por causa da PANDEMIA, também, com todas as preocupações decorrentes visando o CONTROLE SOCIAL e ponto quase final...

Não se pode esperar muito deste novo mandato, bem como, dos/as ALOPRADOS/AS que fazem parte do GOVERNO, entretanto, não se pode esquecer-se das denominadas e idolatradas MENTES BOVINAS que continuam circulando em terras provincianas e seguindo o TOQUE DO BERRANTE...

De um jeito ou de outro, a REFLEXÃO CRÍTICA deve continuar tocando a sua CORNETA (sic) frente ao BERRANTE do outro lado, haja vista que AS PALAVRAS TÊM PODER deste e do outro lado, assim, depende sempre de quem está neste contexto plural em tempo de pós-globalização midiática...

Se bem que nesta atual ANÁLISE DE CONJUNTURA, torna-se necessário a utilização das ditas IRONIAS para ILUSTRAR os fatos e personagens que circulam nos quatro ou mais cantos desta PROVÍNCIA DO FAZ DE CONTA...

As amadas e idolatradas FÁBULAS ou CONTOS DA CAROCHINHA, são de grande ajuda nestes ocasos de um talvez, tendo como missão estar em sintonia com o cenário, ou seja, pode-se escrever sobre a criação do GEPETO... aquela BELA que não é tão BELA e muito menos ADORMECIDA... aquele da SEMENTINHA, talvez, possa ser de FEIJÃO...

Enfim, nada se perde e tudo se aproveita nesta PROVÍNCIA, ainda mais sabendo como escrever por meio desta COLUNA denominada de CRÔNICAS PROVINCIANAS...

QUEM CONHECE TAIS FÁBULAS OU ESTÓRIAS DA CAROCHINHA VAI SABER DISTO E AQUILO...

Publicidade

Tio Panda Adamantina

Publicidade

Insta do Siga Mais