Polícia

Vereadora e filha são colocadas em porta-malas durante roubo e sequestro em Iacri

Mãe e filha foram feitas reféns durante assalto e sequestro que ocorreu nesta quarta-feira (29).

Por: Portal Tupacity atualizado: 31 de julho de 2020 | 11h19
A vereadora de Iacri, Vera Lúcia da Silva e a filha, Ândria Fernanda Macron, vítimas da ação dos marginais (Reprodução/Tupãcity). A vereadora de Iacri, Vera Lúcia da Silva e a filha, Ândria Fernanda Macron, vítimas da ação dos marginais (Reprodução/Tupãcity).

A vereadora de Iacri, Vera Lúcia da Silva e a filha, Ândria Fernanda Macron, foram vítimas de roubo seguido de sequestro nesta terça-feira (29) dentro da própria residência.

De acordo com as informações do delegado da polícia seccional de Tupã, dr. Luiz Antônio Hauy, as duas estavam dentro de casa, que foi invadida por dois indivíduos. "Eles mantiveram mãe e filha como reféns e depois de revirarem toda a casa, subtraíram telefone celular, cartões de banco, além de dois veículos. Eles deixaram o local, colocaram as vítimas no porta-malas e deixaram as duas nas proximidades de Rinópolis", disse o delegado.  

Elas conseguiram carona e retornaram a Iacri. Ainda de acordo com as informações, um dos veículos foi abandonado e restituído à vítima.  (Continua após a publicidade...)

Publicidade

Clínica Savi
Supermercado Godoy

Publicidade

Rede Sete Supermercado
JVR Segurança
Daiane Mazarin Estética

A delegacia de Iacri já iniciou as investigações com o apoio da DIG. "Os investigadores já compareceram no local. Tenho certeza que o caso em breve será esclarecido e os indivíduos colocados atrás das grades", afirmou Dr. Hauy.

Nas redes sociais, a vereadora relatou o ocorrido e disse que viveu um filme de terror. "Fomos amarradas, sequestradas, torturadas e assaltadas dentro da nossa casa. Eu e minha filha fomos colocadas no porta-malas de nosso carro e abandonadas longe daqui", escreveu.

Publicidade

Clinica Lu Applim
Cinema

Publicidade

Insta do Siga Mais