Polícia

Rapaz de 22 anos morre ao capotar camionete na vicinal Adamantina/Mariápolis

Condutor da camionete morre após capotar veículo. Foi socorrido em estado grave, mas não resistiu.

Por: Aqui Lucélia | Com informações do Diário do Oeste atualizado: 25 de maio de 2020 | 11h48
Daniel Mangaia não resistiu aos ferimentos e morreu após o acidente (Redes Sociais/PM Rodoviária). Daniel Mangaia não resistiu aos ferimentos e morreu após o acidente (Redes Sociais/PM Rodoviária).

O condutor de uma camionete com placas de Lucélia morreu na noite desta sexta-feira (22) ao capotar o veículo na rodovia Adamantina/Mariápolis (Acesso SPA-592/294). Chovia no momento do acidente, que ocorreu por volta das 21h45, fazendo vítima fatal o jovem Daniel Mangaia (Daniel Henrique dos Santos Jassi), de 22 anos, morador em Adamantina (e não Lucélia, como divulgado anteriormente). Ele trabalhava em uma empresa de Lucélia.

Segundo a Polícia Militar Rodoviária, o condutor seguia com a camionete GM S-10 pela rodovia quando, na altura do km 15, em Mariápolis, e por motivos a serem apurados, perdeu o controle de direção e capotou o utilitário. 

Por motivos a serem apurados, camionete capotou (Foto: PM Rodoviária)

O motorista ficou preso às ferragens e foi socorrido com a chegada da equipe de resgate do Corpo de Bombeiros de Adamantina, com ferimentos de natureza grave, porém não resistiu. Ele é vítima única do acidente. (Continua após a publicidade...)

Publicidade

Supermercado Godoy
Clínica Savi

Publicidade

Daiane Mazarin Estética
Rede Sete Supermercado
JVR Segurança

A ocorrência mobilizou equipes da Polícia Militar Rodoviária, policiamento territorial da PM, Corpo de Bombeiros, Polícia Científica e Instituto Médico Legal (IML). O caso será investigado pela Polícia Civil.

Velório e sepultamento

Segundo a Funerária Flor de Lotus, a velório da vítima aguarda a liberação do corpo pelos peritos do IML. A previsão é que o velório seja iniciado às 13h e vai acontecer no Memorial Flor de Lotus, com sepultamento previsto para 16h, no Cemitério da Saudade.

Por medida de segurança e saúde pública diante da Covid-19, e seguindo as determinações do poder público, há restrição no número de pessoas no velório, reservado apenas aos familiares mais próximos.

Publicidade

Cóz Jeans
Tio Panda Adamantina

Publicidade

Insta do Siga Mais