Polícia

Polícia Rodoviária apreende carga com 2,65 milhões de maços de cigarros na região

Carga era transportada em comboio de cinco caminhões e seguia para MG, GO e RN.

Por: Da Redação atualizado: 10:13
Carga era transportada em comboio de cinco caminhões e seguia para três estados brasileiros. Seis pessoas foram presas, e carga e caminhões apreendidos (Fotos: Cedidas/Polícia Rodoviária). Carga era transportada em comboio de cinco caminhões e seguia para três estados brasileiros. Seis pessoas foram presas, e carga e caminhões apreendidos (Fotos: Cedidas/Polícia Rodoviária).

O Comando de Policiamento Rodoviário, por meio dos policiais da 2ª Companhia do 2º Batalhão de Polícia Militar Rodoviária, atendeu uma ocorrência de contrabando de cigarro, da qual resultou na prisão em flagrante de seis homens, e na apreensão de 2,65 milhões de maços de cigarros. A operação foi ontem (31) na Rodovia Rodovia General Euclides de Oliveira Figueiredo (SP 563), km 81, em Presidente Venceslau.
Segundo nota à imprensa, os policias rodoviários realizavam operação de rotina visando ao combate de infrações administrativas e penais, abordaram quatro caminhões e uma carreta, que transitavam pela rodovia em comboio.
Ao realizar fiscalização nos mesmos foram retiradas algumas caixas, quando foi possível localizar o carregamento de cigarros. O cenário se repetia em todos os veículos fiscalizados, com as caixas de cigarro distribuídas entre as demais mercadorias.
A carga de cigarros era oriunda do Paraguai e não tinha documento fiscal. Os três caminhões tinham placas de Maringá (PR), um de Papanduva (PR) e o quinto com placas de Joinville (SC). Os motoristas foram indagados sobre origem da carga contrabandeada e responderam que as adquiriram em diversas na Cidade do Paraná com o destino Uberlândia (MG), Goiânia (GO) e  Natal (RN).
Diante dos fatos foi dada voz de prisão em flagrante delito para os motoristas, bem como foi dada ciência de seus direitos constitucionais, sendo a ocorrência encaminhada a Delegacia da Polícia Federal em Presidente Prudente, onde o Delegado de plantão determinou a prisão em flagrante e elaborou IPF, bem como o Auto de Exibição e apreensão dos cigarros e veículos. Os seis homens presos foram recolhidos à Cadeia Pública de Presidente Venceslau.

Publicidade

Cóz Jeans
Shiba Sushi Adamantina

Publicidade

Insta do Siga Mais