Polícia

Polícia Civil esclarece crime e cumpre mandados de prisão contra dupla acusada de estupro

Mulher foi estuprada por dois homens. Polícia Civil esclarece caso e prende agressores.

Por: Da Redação atualizado: 10 de janeiro de 2019 | 16h23
Crime foi esclarecido pela Polícia Civil de Panorama, que conseguiu na Justiça a prisão temporária dos acusados (Arquivo). Crime foi esclarecido pela Polícia Civil de Panorama, que conseguiu na Justiça a prisão temporária dos acusados (Arquivo).

A Polícia Civil, por intermédio da Delegacia de Polícia de Panorama, tendo auxílio de outras unidades, conseguiu nestes primeiros dias de 2019 dar cumprimento a dois mandados de prisão temporária em desfavor de dois homens, de 24 anos e 32 anos, acusados de serem os autores do estupro, ambos são moradores de Panorama.

A primeira prisão realizada pela Polícia Civil, aconteceu no dia 30 dezembro.  Na ocasião o acusado de 32 anos foi preso, na residência de familiares, no bairro Potiguara, na cidade de Panorama. O indivíduo há época era beneficiário da saída temporária de fim de ano, o elemento já possuía vários antecedentes criminais pelos crimes de furtos, roubos e porte de arma de fogo de uso permitido. E cumpria pena em regime semiaberto, no Centro de Progressão Penitenciária de Pacaembu. (Continua...) 

Publicidade

monalisa interno
SuperGodoy

Publicidade

JVR INTERNO
Haddad
   

Já outro acusado 24 anos, após várias diligências em diferentes locais, permanecia foragido e, a prisão aconteceu cidade de Anaurilândia (MS), no último domingo (6). O homem possuía antecedentes criminais pelos crimes de roubo e tráfico de drogas.

Mulher foi estuprada pela dupla

O crime de estupro aconteceu na madrugada dia 28 de dezembro passado, na área central da cidade de Panorama, tendo como vítima uma jovem de 23 anos. Na ocasião do fato, a mulher relatou que teria sido abordada e forçada a entrar num veículo, onde estavam os dois indivíduos. Em seguida teria sido levada para uma área rural daquele munícipio onde foi estuprada, após o estupro os elementos a espancaram e ainda tentaram estrangular a vítima.

Ela teria ficado caído inconsciente, conseguido acordar no final da madrugada, onde saiu a procura de auxílio. Sendo socorrida, foi levada inicialmente ao pronto-socorro de Panorama com múltiplas lesões pelo corpo, e posteriormente encaminhada para exames adicionais no IML de Dracena.

Tão logo foi registrada a ocorrência, de imediato a Polícia Civil iniciou o trabalho investigativo, com a apreensão de um veículo, suspeito de ter sido o carro utilizados pela dupla de estupradores. Novos elementos probatórios cruciais foram juntados para a identificação dos autores, o que fez com que a Polícia Civil representasse pelo pedido de prisão temporária de 30 dia à Justiça, o que foi prontamente concedido.

 Com as prisões dos acusados, a Polícia Civil aguarda a chegada de laudos complementares, para então representar pela conversão das prisões de temporária para preventiva, onde os acusados poderão permanecerem presos até o julgamento.  

Publicidade

Clinica Lu Applim

Publicidade

Youtube