Polícia

PM Rodoviária flagra carro com placas de Lucélia na SP-294 transportando 21 pássaros silvestres

Condutor apresentou nervosismo durante fiscalização da PM Rodoviária, que descobriu os pássaros.

Por: Aqui Lucélia atualizado: 27 de outubro de 2020 | 17h24
Os 21 papagaios eram levados em caixas de papelão, no porta-malas do carro com placas de Lucélia (Foto: Cedida/PM Rodoviária). Os 21 papagaios eram levados em caixas de papelão, no porta-malas do carro com placas de Lucélia (Foto: Cedida/PM Rodoviária).

Em operação de fiscalização de trânsito e de combate a demais ilícitos penais pela Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-294), em Dracena, a Polícia Militar Rodoviária flagrou um automóvel de passeio, com placas de Lucélia, transportando 21 pássaros silvestres, da espécie papagaio.

De acordo com a PM Rodoviária, a abordagem foi por volta das 18h desta segunda-feira (26), na altura do km 647+400 da SP-294, em Dracena. 

Durante a fiscalização ao automóvel VW Gol, os policiais perceberam um certo nervosismo do motorista, levando a uma fiscalização minuciosa no interior do veículo, sendo então localizados 21 pássaros da espécie papagaio, acomodados no interior de caixas de papelão, dentro do porta malas do carro.

A ocorrência foi apresentada no plantão da Delegacia da Polícia Civil, para os demais encaminhamentos.  (Continua após a publicidade...)

Publicidade

Supermercado Godoy
Clínica Savi

Publicidade

Daiane Mazarin Estética
Rede Sete Supermercado
JVR Segurança

Infrator foi multado em R$ 73,5 mil

Em nota no início da noite desta segunda-feira, a Polícia Militar Ambiental informou que o infrator foi multado em R$ 73,5 mil. De acordo com a corporação, foram lavrados dois Autos de Infração Ambiental, sendo um por maus tratos a aves silvestres no valor de R$ 63 mil, pelas péssimas condições em que os pássaros estavam sendo transportados, e outro no  valor de R$ 10,5 mil por transporte de aves da fauna silvestre sem autorização da autoridade competente.

(Cedida/PM Ambiental).

(Cedida/PM Ambiental).

As aves foram destinadas à associação APASS de Assis, onde passarão por cuidados de médicos veterinários e quando estiverem em condições, serão devolvidos a natureza. 

Publicidade

Tio Panda Adamantina

Publicidade

Insta do Siga Mais
Cinema