Polícia

PM Rodoviária apreende carga de agrotóxico de origem chinesa avaliada em R$ 64 mil

Homem que transportava a carga fugiu. Batedor foi autuado e vai responder em liberdade.

Por: Da Redação atualizado: 18:54
Carga de defensivos agrícolas de origem chinesa, avaliada em R$ 64 mil, é apreendida pela Polícia Militar Rodoviária (Fotos: Cedidas/PM Rodoviária). Carga de defensivos agrícolas de origem chinesa, avaliada em R$ 64 mil, é apreendida pela Polícia Militar Rodoviária (Fotos: Cedidas/PM Rodoviária).

Nesta terça-feira (19), pouco depois das 9h, a equipe de apoio operacional do Policiamento Rodoviário  Adamantina, durante fiscalização em combate ao contrabando e demais ilícitos penais, apreendeu uma carga de agrotóxico de origem chinesa, além de dois veículos, na Rodovia Assis Chateaubriand (SP-425), altura do km 375, em Parapuã.

No local, a equipe de apoio operacional abordou um veículo GM Cobalt com placas de Umuarama (PR) que transitava no sentido Martinópolis a Rinópolis, conduzido por um atendente de farmácia de 56 anos, casado, morador de Umuarama.

Fiat Strada que levava a carga foi abandonado na SP-294 (Foto: Cedida/PM Rodoviária).

Durante a abordagem o homem se apresentou muito nervosismo e ao vistoriar o veículo os policiais encontraram no porta malas do Cobalt um estepe aparentando ser de uma picape, fato que despertou suspeita na equipe.

Atentos à fiscalização,  os policiais deram sinal de parada a um outro veículo, Fiat Strada, com placas de Perobal (PR) que também seguia no mesmo sentido do Cobalt. Este, por sua vez, desobedeceu a ordem de parada e  se  evadiu tomando sentido a Tupã pela alça de acesso à Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-294).

Carga de defensivos estava no Fiat Strada, abandonado na SP-294, que tinha o GM Cobalt como batedor (Foto: Cedida/PM Rodoviária).

Com a intenção de abordá-lo, a equipe do policiamento iniciou um breve acompanhamento do veículo, contudo a alguns metros do local na alça de acesso a Fiat Strada foi abandonada no acostamento, quando o condutor desembarcou e empreendeu fuga em meio a um matagal, às margens da via. (Continua após a publicidade...)

Publicidade

Supermercado Godoy
Clínica Savi

Publicidade

Rede Sete Supermercado
JVR Segurança

Foi solicitado apoio de outras viaturas policiais para tentar localizá-lo, contudo sem êxito. Quanto ao veículo abandonado, o mesmo estava  carregado com grande quantidade de agrotóxicos de origem chinesa, distribuídos em toda carroçaria e atrás dos bancos, acondicionados em  pacotes de 1 kg, totalizando 400 kg. A mercadoria não tinha nota fiscal.

Após, o condutor do Cobalt confessou que se tratava de um batedor, o qual  informava sobre a fiscalização de polícia nas estradas, e pelo serviço recebia a quantia de R$ 3 mil.

Quanto ao estepe que carregava no porta malas do seu veículo, disse pertencer à picape carregada com os agrotóxicos.

Referente ao condutor do Fiat Strada, não soube precisar sua identidade, apenas informou que se trava de uma pessoa do sexo masculino, forte e com aproximadamente 1,80m de altura.

Carga era transportada sem documento fiscal (Foto: Cedida/PM Rodoviária).

O condutor do Cobalt disse ainda que o agrotóxico era transportado da cidade de Umuarama e seria levado até São José do Rio Preto, onde seria entregue a um desconhecido em um posto de combustíveis daquela cidade.

A ocorrência foi encaminhada pela PM Rodoviária à delegacia da Polícia Civil de Parapuã. No local o agrotóxico foi apreendido, bem como os dois veículos e R$ 3.975,00 que o condutor do Cobalt  portava. Ele foi liberado para responder em liberdade.

Com base em pesquisas,  os agrotóxicos estavam avaliados em R$ 64 mil.

Publicidade

Clinica Lu Applim
Cinema

Publicidade

Insta do Siga Mais