Polícia

Feminicídio em Adamantina: mulher foi morta diante do filho

Agressor pegou a criança no colo, devolveu à mãe e em seguida, com faca, golpeou a mulher no pescoço

Por: Da Redação atualizado: 12 de setembro de 2019 | 08h52
Mulher foi morta pelo ex-companheiro diante do filho (Reprodução/Facebook). Mulher foi morta pelo ex-companheiro diante do filho (Reprodução/Facebook).

Novos detalhes sobre o caso de feminicídio registrado na noite desta terça-feira (10), em Adamantina (reveja), ampliam a dimensão da tragédia e a revolta da comunidade.

O homem matou a companheira, Mara Jaqueline Flor dos Santos, de 29 anos, com um golpe de faca, atingindo o pescoço da vítima. A agressão foi na frente do filho. A vítima morava na casa da irmã, no Jardim Primavera.

Já o agressor fugiu do local e é procurado pela Polícia. Até a manhã desta quarta-feira (11) ele ainda não havia sido localizado. Segundo relatos da irmã da vítima, a a mulher  havia se separado do suspeito e chegou a mudar-se de casa várias vezes, já que o homem a perturbava.

Na noite do crime, segundo revelou a irmã, o homem enviou uma mensagem à vítima, pedindo documento do filho dela. Ele havia assumido a paternidade da criança e alegou que tinha a intenção de tirar seu nome do registro de nascimento, pois não queria manter esse vínculo.

Com essa alegação, combinou com a vítima de encontrá-la em uma esquina da rua. Com medo e temendo alguma reação de violência, a irmã se dispôs a levar a certidão de nascimento, e assim o fez.

Depois disso o homem mandou outra mensagem à vítima, dizendo que ela poderia buscar o documento, no mesmo local. Novamente a irmã retornou ao ponto de encontro, quando um amigo da família contou que a irmã havia sido esfaqueada. (Continua após a publicidade...)

Publicidade

Tio Panda Adamantina
Supermercado Godoy
Monalisa Adamantina
Clínica Savi

Publicidade

Haddad
Daiane Mazarin Estética
JVR Segurança
Rede Sete Supermercado

De acordo com relato do amigo, à irmã da vítima, o agressor chegou na varanda da casa e pediu que a ex-companheira para pegar a criança no colo, que foi entregue a ele.

Foi quando o agressor devolveu o filho e em seguida atingiu a mulher com uma faca, na altura do pescoço, fugindo em seguida. A vítima conseguiu entrar na casa e colocar a criança no carrinho, caindo em seguida na cozinha, onde permaneceu até a chegada da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros.

Ao chegar no local a equipe do Corpo de Bombeiros encontrou a mulher já sem os sinais vitais, caída no cômodo, com o corte no pescoço e intenso sangramento. Ela foi removida ao pronto-socorro da Santa Casa de Adamantina, onde foi confirmado o óbito.

O corpo de Mara Jaqueline Flor dos Santos ocorrerá no Velório Municipal de Mariápolis (ainda sem previsão) e o sepultamento está previsto para o final do dia, na mesma cidade.  

Leia mais| Divulgada a identidade do suspeito, que é procurado pela Polícia  

Publicidade

Iogurtes Carolina

Publicidade

Auto Doc

Publicidade

Clinica Lu Applim
Cinema

Publicidade

Insta do Siga Mais