Polícia

Dracena: policial civil aposentado morre baleado após reagir com disparos em desocupação de imóvel

Policial civil aposentado que morava no imóvel leiloado resistiu à ordem de desocupação.

Por: Da Redação atualizado: 7 de agosto de 2019 | 18h06
Ao resistir a desocupação de imóvel leiloado, policial civil aposentado reage, dispara e é morto por tiros disparados pela PM, que apoiava a ação do oficial de justiça (Reprodução/Portal Regional). Ao resistir a desocupação de imóvel leiloado, policial civil aposentado reage, dispara e é morto por tiros disparados pela PM, que apoiava a ação do oficial de justiça (Reprodução/Portal Regional).

Um policial civil aposentado, que resistiu à ordem judicial de desocupação do imóvel onde residia – que foi arrematado em leilão – morreu após reagir com tiros. O caso foi na manhã desta terça-feira (6), em Dracena.

Nos disparos ele atingiu a mulher que havia adquirido o imóvel no leilão, que ficou ferida. Em reação, os policiais militares que acompanhavam os trabalhos do oficial de justiça dispararam contra o policial civil aposentado, que não resistiu e morreu.

Ouvido pelo G1, o tenente-coronel Carlos Vitor Negri da Silva, comandante interino do Comando de Policiamento do Interior (CPI-8), disse que o fato ocorreu durante o processo de imissão de propriedade, realizada pelo Poder Judiciário, para qual foi solicitado apoio da Polícia Militar. (Continua após a publicidade...)

Publicidade

2019 - O ano de Super Vantagens
Monalisa Adamantina
Clínica Savi
Supermercado Godoy
Tio Panda Adamantina

Publicidade

JVR Segurança
Haddad
Daiane Mazarin Estética
Rede Sete Supermercado

Segundo relatou ao G1, durante as tratativas entre as partes e o oficial de Justiça, o proprietário (policial aposentado) teria disparado com uma arma de fogo contra a arrematante, que conforme informações preliminares foi atingida de raspão na cabeça.

Diante da situação, houve intervenção da Polícia Militar, que apoiava o Poder Judiciário, e o agressor foi alvejado. Ambos foram socorridos, mas o policial aposentado não resistiu. O caso será investigado pelas autoridades.

Publicidade

Iogurtes Carolina

Publicidade

Auto Doc

Publicidade

Clinica Lu Applim
Cinema

Publicidade

Insta do Siga Mais