Polícia

Caminhão tanque tomba após atropelar capivara na SP-294; combustível vazou e atingiu córrego

Acidente foi na madrugada desta sexta-feira (30) na SP-294, em Inúbia Paulista.

Por: Da Redação atualizado: 31 de julho de 2021 | 08h14
Carreta tomba, quando o condutor perdeu o controle da direção após atropelamento de capivara (Cedida/PM Rodoviária). Carreta tomba, quando o condutor perdeu o controle da direção após atropelamento de capivara (Cedida/PM Rodoviária).

Uma carreta bitrem-tanque carregada com diesel tombou na Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-294), na madrugada desta sexta-feira (30), em Inúbia Paulista. O acidente foi provocado por várias capivaras na pista, por volta das 3h. O motorista não se feriu. 

O condutor do caminhão que tracionava o bitrem relatou à Polícia Militar Rodoviária que seguia com o veículo no sentido Osvaldo Cruz a Lucélia. Na altura do km 578+100, proximidades do trevo de Inúbia Paulista, avistou várias capivaras que cruzavam a pista, quando tentou desviar e um dos animais foi atropelado.

Tombamento interditou a pista (Cedida/PM Rodoviária).Veículo transportava óleo diesel (Cedida/PM Rodoviária).Capivara atingida no atropelamento (Cedida/PM Rodoviária).

Na sequência o condutor perdeu o controle de direção do veículo, quando a segunda das unidades carregadas de óleo diesel se desprendeu do primeiro módulo e tombou no acostamento, dando início a incêndio que atingiu suas rodas e pneus.  As chamas foram contidas pelo Corpo de Bombeiros de Osvaldo Cruz.  

Publicidade

Supermercado Godoy
Clínica Savi

Publicidade

Daiane Mazarin Estética
Rede Sete Supermercado
JVR Segurança
 

Segundo a PM Rodoviária, houve derramamento de parte do combustível transportado, o que se deu em razão de um furo no tanque. O  local do vazamento está cerca de 100 metros de um curso d'água. 

Vazamento do diesel transportado  (Cedida/PM Rodoviária).

A PM Rodoviária informou que a Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo) foi acionada. Técnicos da Polícia Científica também foram mobilizados para produção de laudo sobre as circunstâncias do acidente e eventuais danos ambientais. A Polícia Civil deve investigar o caso.

Publicidade

Tio Panda Adamantina

Publicidade

Insta do Siga Mais