Especial Publicitário

Araçatuba e Fernandópolis têm festival de paraquedismo; até domingo, público pode fazer salto duplo

Festival de Paraquedismo acontece nesta sexta e sábado em Araçatuba, e domingo em Fernandópolis.

Por: Especial Publicitário atualizado: 4 de dezembro de 2022 | 21h09
Em Araçatuba, saltos acontecem nesta sexta e sábado. Em Fernandópolis, no domingo (Divulgação/SkyRadical). Em Araçatuba, saltos acontecem nesta sexta e sábado. Em Fernandópolis, no domingo (Divulgação/SkyRadical).

A partir desta sexta-feira (2) e durante todo o fim de semana, Araçatuba e Fernandópolis vão vivenciar três dias de muita adrenalina e emoção com o festival de paraquedismo que acontece nas duas cidades, em etapas do Programa Nacional de Paraquedismo Esportivo. A iniciativa deve atrair fãs do esporte de aventura, que poderão acompanhar os saltos profissionais e ainda fazer salto duplo (acoplado a um instrutor).

A realização é da SkyRadical Paraquedismo, de Boituva (SP) – uma das maiores referências na formação de instrutores no País – e Associação Brasileira de Paraquedismo (Abra Paraquedas). Em Araçatuba a programação tem apoio da Secretaria Municipal de Turismo e Associação de Aeromodelismo da cidade, e integra as comemorações pelos 114 anos do município. Além do festival de paraquedismo, no mesmo local também serão realizadas exposições e demonstrações de aeromodelismo.

(Divulgação).

Em Araçatuba o evento acontecerá na pista de aeromodelo no bairro Engenheiro Taveira, do nascer ao pôr do sol, nesta sexta-feira (feriado municipal em Araçatuba) e sábado. Em Fernandópolis, no domingo, o festival acontece no aeroporto da cidade.

(Divulgação).

Faça salto duplo

O acesso aos dois eventos, em Araçatuba e Fernandópolis, é gratuito. Os saltos duplos podem ser adquiridos diretamente com a SkyRadical (acesse aqui). O interessado precisa fazer a contratação prévia. Há pacotes com registro do salto em fotos e vídeos. A experiência – além de muito emocionante – se traduz também a lindas imagens que são registradas por câmeras acopladas ao instrutor e/ou por meio de paraquedista cinegrafista.

O festival de paraquedismo em Araçatuba deverá receber cerca de 80 participantes entre atletas praticantes da região e iniciantes que se aventuram saltando como passageiro de um salto duplo, vivendo a experiência em um paraquedas próprio para duas pessoas.

(Divulgação/SkyRadical).

A etapa do Programa Nacional de Paraquedismo Esportivo prevê no mesmo fim de semana a realização de show de paraquedismo e saltos duplos em Fernandópolis, no dia 4 (domingo). O diretor técnico do programa é  o recordista mundial Paulo Assis.

Segurança, aventura e inclusão

O paraquedismo é um esporte de risco controlado. É bastante seguro vem crescendo muito em número de praticantes no Brasil. Para estreantes ou para vivenciar experiências e emoções radicais, o salto duplo é a melhor forma de iniciar no esporte.

De acordo com a SkyRadical, há poucas restrições para quem deseja realizar o salto duplo, como idade mínima de 10 anos e peso máximo de 120 kg. As grávidas não devem saltar.

(Divulgação/SkyRadical).

A experiência tem sido marcante para portadores de necessidades especiais, que em geral conseguem salta. Cadeirantes, deficientes visuais, auditivos e outros aventureiros se emocionam em topar o desafio, superando suas limitações. Instrutores dos saltos, familiares e o público também se emocionam com essas experiências de inclusão e superação.

Emoção: queda livre a 220 km/h

A aeronave utilizada é apropriada para o paraquedismo, com capacidade de até 15 saltadores. Em solo, o passageiro recebe uma rápida instrução, pela equipe. Depois, embarcado, são 15 minutos de subida do avião.

Já no momento que antecede o salto o passageiro vai para a porta do avião e se lança acoplado ao instrutor, realizando a queda livre a 220 km/h, por cerca de 45  segundos. 

(Divulgação/SkyRadical).

A altura da saída do avião é  em torno 3,5 km do solo.  Na metade do caminho o paraquedas se abre e a velocidade se reduz a 20 km/. A partir daí a descida tem duração em torno de 5 minutos.

SkyRadical

A SkyRadical é a maior e mais completa escola de paraquedismo do Brasil, com mais de 3.200 atletas formados. Fundada em 1992, além de tradicional, tem a coordenação técnica do recordista mundial Paulo Assis. Em Boituva, em sua sede às margens da Rodovia Castelo Branco, a SkyRadical oferece todos os dias o salto duplo e voo no túnel do vento (simulador de queda livre).

(Divulgação/SkyRadical).

Neste segundo semestre deste ano implantou um programa itinerante, com parcerias em diferentes cidades brasileiras. A iniciativa proporciona a oportunidade de um salto com aeronave de lançamento a grande altitude, com staff especializado e equipamentos de última geração.

Agenda

O Programa Nacional de Paraquedismo Esportivo iniciou a temporada no Rio de janeiro (RJ), no Aeroporto de Jacarepaguá, de 6 a 9 de outubro. Depois, ao longo do mês, aterrissou em Campo Grande (MS), Uberlândia (MG) e Franca (SP). Neste mês de novembro a etapa ocorreu em Brasília (DF), na Esplanada dos Ministério, depois no Vale do Aço em Caratinga (MG). A temporada de dezembro será aberta no noroeste paulista em Araçatuba (2 e 3) e Fernandópolis (4). Os próximos eventos do Programa são dias 10 e 11 na região de Bauru (no aeroporto de Lençóis Paulista) e de 28 de dezembro a 5 de janeiro no Rio de Janeiro.

Serviço

Sky Radical: Site | Facebook Instagram Youtube

• Atendimento:

WhatsApp (11) 9.8111-2233 (link aqui)

Telefones (15) 3363-5007 ou (15) 98149-4900

• Horário de funcionamento: todos os dias, das 9h às 18h