Especial Publicitário

4 tendências para o mercado de aplicativos

Funcionalidades e serviços eletrônicos são cada vez mais ampliados e acessíveis.

Por: Especial Publicitário atualizado: 18 de dezembro de 2020 | 09h15
Na ponta dos dedos, os brasileiros têm acesso aos mais variados conteúdos e atividades (Divulgação). Na ponta dos dedos, os brasileiros têm acesso aos mais variados conteúdos e atividades (Divulgação).

Se você tem um celular, o mais certo é que vários apps façam parte de sua vida e que as utilize regularmente. As atualizações e novos lançamentos também marcam essa evolução, bem expressa no nosso país. Conheça 4 tendências para o mercado dos aplicativos.

Já existem no Brasil mais celulares do que pessoas e isso é bem demonstrativo do poder da tecnologia. Do cassino online onde você joga à conta bancária que você acede, está se tornando bem comum a criação de aplicativos que utilizam ferramentas tecnológicas de ponta, como a inteligência artificial.

Na ponta dos dedos dos brasileiros, o acesso aos mais variados conteúdos e atividades é cada vez mais uma realidade, sendo que as funcionalidades e serviços eletrônicos são cada vez mais alargados e acessíveis.

A banalização no uso de celulares, no entanto, não está se manifestando somente em seus usos para a diversão. Hoje, os variados apps que integram esses dispositivos vêm permitir também o aparecimento de novos trabalhos e lançar uma nova luz empreendedora sobre o povo brasileiro.

Com o aumento significativo no número de empreendedores em nosso país e considerando que o celular é a principal forma de acesso a suas criações e negócios, nos parece pertinente conhecer as tendências do mercado dos aplicativos. Venha conhecer 4 dessas tendências.

1. IA e RA: duas siglas a lembrar

Você certamente já ouviu falar de IA (Inteligência Artificial) e RA (Realidade Aumentada) mas, se pensa que são conceitos de futuro, está enganado! Estas novas formas de tecnologia estão sendo usadas hoje mesmo e a tendência é que venham a ser ainda mais, com os avanços do futuro.

Criando novas e mais imersivas experiências, essas ferramentas servem propósitos distintos e permitem que se viva de forma bem diferente o universo digital.

Videogames, aparelhos de GPS e até seu motor de busca são influenciados pela IA e o RA. E é certo que estas influenciarão as apps do futuro.

2. Redução nos custos de desenvolvimento

Os aplicativos estão se vulgarizando e isso faz com que essas ferramentas tendam a ficar mais simples, facilitando a gestão do tempo tanto na sua utilização quanto no seu desenvolvimento.

Com menores tempos de desenvolvimento é de esperar que também os custos sejam menores.

3. O instantâneo virará moda

Não podemos dizer que somos um povo muito paciente. O mundo é acelerado e todos gostamos de ter resposta imediata de nossos dispositivos quando necessitamos deles.

Aos poucos, essa tendência está se verificando no mercado de aplicativos, que tenta reduzir o tempo de resposta das apps.

E, breve, principalmente com a entrada do 5G, o mais provável é que quase todas as funcionalidades do celular sejam instantâneas.

4. Os aplicativos serão quase obrigatórios

Empresas multinacionais e pequenas empresas terão, no futuro, seu próprio aplicativo. A tendência desse mercado é para que se torne imperativo, por parte do público, que assim seja.

Apoiada pelos custos mais baixos, a criação de aplicativos estará ao alcance de todos os negócios, facilitando a interação com seus públicos.