Ensino

Projeto Nossas Escritas leva atividade em sala de aula para plataforma de áudio

Objetivo da iniciativa foi aprimorar as habilidades de leitura e escrita dos alunos.

Por: Natacha Dominato | Comunicação/Prefeitura de Adamantina atualizado: 26 de dezembro de 2022 | 17h09
(Divulgação/PMA). (Divulgação/PMA).

Com o objetivo de aprimorar as habilidades de leitura e de escrita dos alunos do 4º ano D da EMEF Navarro de Andrade, a professora Tatiane Lemos desenvolveu o “Projeto Nossas Escritas”.

O projeto teve como inspiração uma atividade baseada em um livro didático. “Após essa ação, foi possível observar a necessidade de trabalhar a escrita e a fluência leitora dos alunos”, conta.

As mídias digitais estão cada vez mais presentes no dia a dia. A comunicação, via computador e/ou celular, alcança todas as camadas da sociedade, principalmente as novas gerações. “Dessa forma, é importante explorar essa ferramenta como forma de incentivar a leitura e escrita com uma finalidade específica, no caso, publicar seus textos em áudio na internet”, afirma.

Publicidade

Supermercado Godoy
Daiane Mazarin Estética

Publicidade

Rede Sete Supermercado
JVR Segurança

A iniciativa, conforme a professora conta, surgiu de sua paixão por podcast e ela viu no Spotify uma plataforma que seria capaz de arquivar e divulgar o trabalho que foi feito pelas crianças.

(Divulgação).

Para isso, as crianças fizeram a reescrita de uma fábula em trios e após as revisões e correções, foram realizados ensaios e as gravações em áudio das leituras em sala de aulas. “Em outro momento, as crianças criaram suas próprias fábulas. Após revisões, correções e ensaios também gravamos os áudios. Improvisamos um " estúdio" para gravação dos áudios na sala com direito a paredes de caixas e livros para melhorar a acústica.  Depois, com ajuda de programas de edição de áudio, fiz a sonoplastia das histórias”, relembra.

Ela assegura que o projeto foi divertido e ao mesmo tempo gratificante. “Aprendi muito editando os áudios, então professora e alunos saíram ganhando. As famílias puderam apreciar as histórias das crianças e isso os incentivou bastante”, finaliza.

Para ouvir, acesse aqui.

Publicidade

Tio Panda Adamantina
Nova Foto e Ótica