Ensino

Osvaldo Cruz investiga causa de vômitos, cólicas e diarreia em 40 alunos de escola municipal

Prefeitura informou que coletou amostras da merenda escolar para avaliar se há relação com o caso.

Por: Da Redação atualizado: 6 de junho de 2022 | 16h35
Estudantes são da Escola Municipal Getúlio Vargas, de Osvaldo Cruz (Reprodução/OCNET). Estudantes são da Escola Municipal Getúlio Vargas, de Osvaldo Cruz (Reprodução/OCNET).

Cerca de 40 estudantes da Escola Municipal “Getúlio Vargas”, de Osvaldo Cruz, na faixa de 6 a 10 anos, passaram mal nesta sexta-feira (3), com episódios de vômitos, cólicas e diarreia. A Prefeitura de Osvaldo Cruz acompanha o caso e coletou amostras da merenda escolar servida aos estudantes para avaliar se o quadro coletivo tem relação com a merenda escolar servida na unidade de ensino, em eventual infecção alimentar. A informação sobre o caso e as providências do poder público municipal foram divulgadas na manhã deste sábado (4), em nota de esclarecimento (íntegra abaixo).

Conforme o comunicado, os alunos foram atendidos na Santa Casa de Misericórdia de Osvaldo Cruz, medicados e liberados. Os familiares foram orientados sobre providências e em caso de necessidade devem retornar ao hospital.

Na nota a Prefeitura informou que vai instaurar procedimento interno para apurar as causas do incidente. Amostra da merenda da Escola foi recolhida para exame próprio a fim de determinar a causa do incidente.

Publicidade

Supermercado Godoy
Daiane Mazarin Estética

Publicidade

Rede Sete Supermercado
JVR Segurança

Veja a íntegra da nota de esclarecimento:

“A Prefeitura de Osvaldo Cruz tomou ciência sobre ocorrência de episódios de vômitos, cólicas e diarreia em cerca de 40 alunos da Escola Municipal “Getúlio Vargas” na faixa etária de 6 a 10 anos de idade nesta sexta-feira (3).

O Município acompanha os casos e presta  acompanhamento a todos os alunos e em contato com familiares.

Os alunos foram atendidos na Santa Casa de Misericórdia local, medicados e liberados. Os familiares foram orientados sobre providências e em caso de necessidade devem procurar a Santa Casa.

A Prefeitura vai instaurar procedimento interno para apurar as causas do incidente isolado, visto que diariamente fornece merenda a cerca de 6 mil estudantes das redes públicas da cidade e sempre primou pela qualidade dos produtos e ingredientes que fazem as refeições dos alunos.

Porém, amostra da merenda da Escola “Getúlio Vargas” foi recolhida para exame próprio a fim de determinar a causa do incidente.

A Prefeitura de Osvaldo Cruz lamenta o ocorrido e se coloca à disposição dos familiares de alunos.

O caso está tendo acompanhamento da direção da escola e das secretarias de Educação e Saúde municipais.

É a nota”.

Prefeitura de Osvaldo Cruz, 04/06/2022.

Publicidade

Tio Panda Adamantina
Nova Foto e Ótica