Educação

Escolas estaduais voltam às aulas nesta segunda; Helen Keller terá período integral

Escolas estaduais terão novo calendário, com dois recessos (abril e outubro) e as férias de julho.

Por: Da Redação atualizado: 4 de fevereiro de 2020 | 17h34
Escola Estadual Helen Keller, de Adamantina, volta às aulas nesta segunda feira e inicia o Programa de Ensino Integral (Foto: Google). Escola Estadual Helen Keller, de Adamantina, volta às aulas nesta segunda feira e inicia o Programa de Ensino Integral (Foto: Google).

Nesta segunda-feira (3), as escolas da rede estadual de São Paulo devem receber 3,4 milhões de alunos de volta às salas de aula para o ano letivo de 2020, com duas novidades. Uma delas é o novo calendário da rede estadual de ensino, que prevê dois recessos (em abril e outubro) e as férias de julho. Outra novidade são as novas escolas em período integral, entre elas a Escola Estadual Helen Keller, de Adamantina.

Novo calendário

As escolas estaduais atuarão sob um novo modelo de calendário, com mais períodos de recesso, sendo um ao final do primeiro bimestre e outro no terceiro bimestre. As férias do segundo e do quarto bimestre ficam mantidas.

Segundo a Secretaria Estadual de Educação, o objetivo da mudança é organizar o calendário e o planejamento das atividades pedagógicas, além de garantir que docentes que atuam nas redes estadual e municipais consigam conciliar os períodos de recesso escolar e férias.

Confira como será o calendário:

• Início do ano letivo: 3 de fevereiro;

• Período primeiro recesso (fim do primeiro bimestre): entre 20 e 24 de abril;

• Período das férias (fim do segundo bimestre): entre 10 e 26 de julho;

• Período segundo recesso (fim do terceiro bimestre): entre 13 e 16 de outubro;

• Encerramento do ano letivo: a partir de 23 de dezembro (saiba mais sobre o novo calendário).

Helen Keller será período integral

Em Adamantina, outra novidade é a Escola Estadual Helen Keller em período integral. A instituição está entre as 247 escolas em todo o estado de São Paulo passam a integrar o Programa de Ensino Integral (PEI).

O modelo permite que os estudantes tenham uma matriz curricular diferenciada que inclui projeto de vida, orientação de estudos, práticas experimentais. Há ainda os clubes juvenis para que os alunos se organizem de acordo com temas de interesse como dança, xadrez, debates etc.

A carga horária é de até nove horas e meia – na rede regular, a jornada é de cinco horas e quinze minutos (saiba mais). (Continua após a publicidade...)

Publicidade

Tio Panda Adamantina
Supermercado Godoy
Clínica Savi

Publicidade

Dra Maria Gabriela Tiveron
Haddad
JVR Segurança
Rede Sete Supermercado
Daiane Mazarin Estética

Dicas para volta às aulas

Depois de semanas de folga, é hora de os alunos retomarem a rotina e se prepararem para começar o novo ano de estudos mais adaptados e entusiasmados.

Defina horários para dormir e acordar: A rotina de alunos e responsáveis muda durante o período das férias escolares, mas faltando apenas alguns dias para o início do ano letivo é preciso que os estudantes tenham um horário definido para dormir e acordar, já pensando na rotina das aulas. Dessa forma o organismo vai se readaptando.

Organize os materiais e roupas: Mesmo com planejamento, o primeiro dia de aula pode ser um pouco corrido, por isso deixar separado o material escolar e até mesmo a roupa pode garantir alguns minutos extras antes de sair para escola sem atraso.

Revise o conteúdo: Também é comum que alguns conhecimentos aprendidos durante o ano fiquem adormecidos nas férias. Por isso uma releitura dos cadernos do ano passado pode ser de muita ajuda. Mesmo que de forma simples as revisões podem ajudar o cérebro despertar o conhecimento já adquirido e assimilar com mais facilidade as matérias novas.

Use a tecnologia a seu favor: É impossível separar esta geração da tecnologia, por isso use a internet ao seu favor. Converse com os professores sobre sites confiáveis que podem ser acessados para complementar a educação. Já os pais ou responsáveis não devem travar uma “guerra” contra celulares, e sim, definir horários para utilizá-los, sem atrapalhar tarefas e estudos.  E lembre-se: livro ainda é o principal material didático!

Mantenha comunicação com a escola: Para garantir o melhor aproveitamento das aulas, tanto alunos e responsáveis devem manter uma comunicação clara e constante com a escola. Os estudantes dentro de sala de aula devem ser incentivados a conversar e tirar dúvidas com os professores. Já os responsáveis devem participar das reuniões entre pais e mestres e eventos nas escolas. Um canal que pode ser acessado tanto pelos alunos e responsáveis é o aplicativo Minha Escola SP – disponível para download gratuito no sistema Android e iOS – que reúne boletim com notas e faltas, horário de aulas e até uma versão digital da carteirinha estudantil.

Veja um infográfico com as principais novidades nas escolas estaduais, neste ano:

Publicidade

Clinica Lu Applim
Cinema

Publicidade

Insta do Siga Mais