Cidades

Sítio paleontológico com fósseis de 70 milhões de anos é tombado

Pesquisadores do Brasil e exterior já realizaram escavações no sítio paleontológico prudentino.

Por: Rogério Mative | Portal Prudentino atualizado: 24 de fevereiro de 2020 | 15h33
Decreto aponta o tombamento definitivo da área que fica entre os bairros São João e Girassóis, em Presidente Prudente (Foto: Sérgio Borges/NoFoco). Decreto aponta o tombamento definitivo da área que fica entre os bairros São João e Girassóis, em Presidente Prudente (Foto: Sérgio Borges/NoFoco).

Após nove meses do início de um processo administrativo, o sítio paleontológico localizado entre os bairros São João e Girassóis, em Presidente Prudente, foi tombado pelo prefeito Nelson Bugalho (PSDB). No local, já foram retirados mais de 2 mil fragmentos de fósseis de animais com cerca de 70 milhões de anos.

O decreto publicado nesta sexta-feira (21) aponta o tombamento definitivo da área que fica entre a Rua João Pedro Pereira com a Rua Salvador Francisco dos Santos, confrontando com a antiga Estrada Boiadeira.

A medida ocorre após manifestação do Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico, Arqueológico e Turístico (Comudephaat) diante dos valores culturais e de importância científica.

Agora, a área deve receber cercamento para evitar qualquer tipo de depredação ao sítio, que pode tornar-se um parque paleontológico para visitações técnicas de estudantes e de toda a comunidade. (Continua após a publicidade...)

Publicidade

Clínica Savi
Supermercado Godoy

Publicidade

Daiane Mazarin Estética
Rede Sete Supermercado
JVR Segurança

Escavações e achados

No ano passado, pesquisadores da Argentina, Estados Unidos e do Museu de Paleontologia de Marília retomaram as escavações no sítio paleontológico, onde já foram encontrados fósseis de animais com cerca de 70 milhões de anos.

Os trabalhos são desenvolvidos pelo pesquisador do Museu de Paleontologia de Marília, William Nava, há 15 anos na região de Prudente.

(Foto: Sérgio Borges/NoFoco).

Somente daquele ponto, ele já extraiu mais de 2 mil fragmentos, muitos dos quais estão expostos no Museu de Paleontologia.

"São esqueletos de aves do período Cretáceo, contemporâneos dos dinossauros, portanto de grande relevância científica”, pontuou, na ocasião.

Dinossauros

Prudente já foi destaque em pesquisas paleontológicas em 2013, quando foram encontrados fragmentos de uma nova espécie de dinossauros – o Brasilotitan nemophagus – numa escavação conduzida por Navas, conforme publicou o Portal Prudentino.

Publicidade

Tio Panda Adamantina

Publicidade

Cinema
Insta do Siga Mais