Cidades

Prefeitura de Adamantina orienta como denunciar queimadas em quintais e terrenos

Poder público orienta como denunciar práticas de atear fogo em quintais e terrenos, no município.

Por: Da Redação atualizado: 27 de setembro de 2022 | 10h39
Prefeitura orienta como agir em caso de incêndios, para acionamento dos bombeiros e denúncias (Cedida). Prefeitura orienta como agir em caso de incêndios, para acionamento dos bombeiros e denúncias (Cedida).

A incidência de queimadas nos últimos dias em Adamantina – interrompida nesta semana em razão das chuvas que atingem a região – em especial os casos de moradores que ateiam fogos em quintais e terrenos, levou a Prefeitura local a emitir uma orientação sobre como agir, em dias situações: quando do acionamento do Corpo de Bombeiros e para realizar denúncias sobre essas práticas.

Conforme a nota, caso o morador deseje fazer denúncias a respeito de pessoas que estão ateando fogo, a orientação é entrar em contato com o Departamento de Fiscalização de Posturas, por meio dos telefone (18) 3502-9059 das 7h30 às 11h e das 13h às 17h30. Outra forma de denunciar, segundo o poder público, é fazendo uso do canal da ouvidoria no número (18) 3502-9072 ou, ainda, pelo e-mail ouvidoria.pma@adamantina.sp.gov.br.

Corpo de Bombeiros combatem incêndio em terreno (Cedida).

Já o acionamento de equipes de combate aos incêndios deve ser feito pelo telefone de emergência do Corpo de Bombeiros, pelo 193. A Prefeitura destaca que a corporação militar é detentora dos meios para controlar e evitar a propagação do fogo. O telefone de emergência dos Bombeiros funciona 24 horas por dia, todos os dias.

Alerta da Defesa Civil estadual

Em um comunicado à imprensa nesta quarta-feira (14), a Defesa Civil estadual informa que, entre sábado (17) e quarta-feira (21), o tempo voltará a ficar firme e as chuvas serão restritas apenas à faixa leste paulista e, dessa forma, a umidade relativa do ar volta a entrar em queda, principalmente no norte, oeste e centro do Estado de São Paulo, onde haverá risco para incêndios.  

Segundo o órgão, a baixa umidade do ar virá acompanhada de fortes rajadas de vento, que podem variar entre 40 km/h e 60 km/h, em grande parte do Estado, principalmente no sábado (17) e no domingo (18). Os fortes ventos despertam a preocupação, pois diante de uma queimada podem espalhar os focos de incêndio para outras áreas. 

Publicidade

Supermercado Godoy
Daiane Mazarin Estética

Publicidade

Rede Sete Supermercado
JVR Segurança

Nova ferramenta de monitoramento para queimadas  

Neste ano a Defesa Civil vem testando uma nova ferramenta de monitoramento via satélite, capaz de identificar, em tempo real, áreas de queimadas em todo o território paulista. A nova tecnologia também emite alertas com as áreas que possuam maior probabilidade às queimadas, classificando-as em alerta, alto ou baixo risco à queimada.  

O sistema utiliza dados e imagens de quatro satélites diferentes, a inteligência artificial cruza os dados e exibe aos operadores do sistema os focos de incêndio captados pelos equipamentos. Já para mapear as áreas com maior risco a incêndios o sistema utiliza diversas variáveis, como por exemplo: umidade do ar, temperatura, acumulado de chuvas e previsão para os próximos dias, vento e radiação solar. Com esse cálculo é possível estimar o risco dos próximos cinco dias, permitindo, assim, a adoção de medidas preventivas antecipadas para a prevenção às queimadas. Nos primeiros meses de teste já foi possível confirmar a efetividade da nova tecnologia. Os operadores já conseguiram identificar focos de incêndio em diversos pontos do estado de SP, permitindo o acionamento do Corpo de Bombeiros e dos agentes da brigada municipal, responsáveis por irem ao local e combaterem as chamas. 

Prevenção 

Estudos indicam que a maioria dos incêndios são ocasionados por uma ação humana, tanto criminosa, quanto não intencional.  As queimadas emitem gases tóxicos que prejudicam o meio ambiente e a saúde humana, causando problemas no sistema respiratório e desordens cardiovasculares.

Queimadas trazem riscos e são proibidas (Cedida).

Os cidadãos devem colaborar adotando algumas posturas preventivas: Não faça queimada para limpeza de terreno ou para destruição de lixo, optando sempre pelo descarte no lugar indicado; não jogue cigarros ou fósforos acesos às margens de rodovias; A soltura de balões, além de ser crime, pode provocar acidentes aéreos e incêndios.

Publicidade

Nova Foto e Ótica
Tio Panda Adamantina

Publicidade

Insta do Siga Mais