Cidades

Polícia Civil recebe menção de elogio em Semana Jurídica promovida pela UniFAI

24ª Semana Jurídica segue até sexta-feira, aberta a estudantes e profissionais da área jurídica.

Por: Da Redação | Com informações da Polícia Civil e da UniFAI atualizado: 17:22
Delegado de polícia seccional de Adamantina, Carlos Roberto Vasconcelos, e o coordenador do curso de direito, Igor Terraz Pinto (Foto: Polícia Civil). Delegado de polícia seccional de Adamantina, Carlos Roberto Vasconcelos, e o coordenador do curso de direito, Igor Terraz Pinto (Foto: Polícia Civil).

Na noite desta terça-feira (13), durante a 24ª Semana Jurídica promovida pelo curso de direito do Centro Universitário de Adamantina (UniFAI), a Polícia Civil de Adamantina recebeu menção de elogio referente à sua atuação em colaboração com o ensino jurídico promovido pela instituição de ensino.

A citada referência ocorreu durante a composição da mesa de honra referente à palestra ministrada pelo advogado, consultor jurídico e docente em direito previdenciário Prof. Dr. Luiz Gustavo Boiam Pancotti. Ele abordou o tema “A insegurança jurídica gerada pela PEC 06/2019”.

Durante a menção foi destacada a importância de parcerias firmadas pela instituição de ensino com a Polícia Civil, em especial com o Núcleo Especial Criminal (Necrim) e a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), onde estudantes do curso de direito têm a possibilidade de participar de atividades inerentes à área de atuação do Núcleo e Delegacia especializada.

O evento contou também com a presença de diversas autoridades, como o advogado e presidente da OAB local, Marco Aurélio Figueiredo; o delegado de polícia seccional de Adamantina, Carlos Roberto Vasconcelos, bem como os delegados de polícia Celso Pardo Soares, Patrícia Tranche Vasques (titular da DDM de Adamantina) e também com docentes do curso de direito, com destaque ao coordenador do curso, Igor Terraz Pinto e às professoras e advogadas Fernanda Stefani Butarelo, Ana Carolina Parra Lobo e Mariângela Conceição Vicente Bergamini de Castro.

Representantes da Polícia Civil de Adamantina, OAB e da UniFAI (Foto: Polícia Civil)

Houve também uma homenagem ao Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (CEJUSC), vinculado ao Poder Judiciário de Adamantina. (Continua após a publicidade...)

Publicidade

Tio Panda Adamantina
Monalisa Adamantina
Clínica Savi
Supermercado Godoy
2019 - O ano de Super Vantagens

Publicidade

JVR Segurança
Haddad
Rede Sete Supermercado
Daiane Mazarin Estética

Evento segue até a sexta-feira

A 24ª Semana Jurídica da UniFAI é organizada pela coordenação do curso de Direito com o apoio da Pró-Reitoria de Ensino, Associação Atlética Acadêmica de Direito, Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), Escola Superior do Ministério Público (ESMP), Polícia Civil, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Subsecção de Adamantina e Associação dos Advogados de São Paulo (AASP).

A cerimônia de abertura, na noite desta segunda-feira (12), contou com a presença de autoridades acadêmicas, políticas e de organizações da sociedade civil, além de docentes do curso de direito, estudantes e profissionais da área.

Após a solenidade de abertura, o promotor de Justiça e docente na ESMP Prof. Dr. Roberto Barbosa Alves, doutor em Direito Processual pela Universidad Complutense de Madrid, na Espanha, e autor e tradutor de diversas obras jurídicas, ministrou palestra sobre “A natureza da menoridade penal e o Direito brasileiro”.

 Na noite desta terça-feira (13) o advogado, consultor jurídico e docente da Pós-Graduação em Direito Previdenciário na Universidade Estadual de Londrina (UEL), no Centro Universitário de Cascavel (Univel), ambos no Paraná, no Centro Universitário Eurípides de Marília (Univem) e no Centro Universitário Toledo (UniToledo) Prof. Dr. Luiz Gustavo Boiam Pancotti, doutor em direito previdenciário pela Universidade de São Paulo (USP) e em direito pela Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP), em Jacarezinho (PR), abordou o tema “A insegurança jurídica gerada pela PEC 06/2019”.

Semana Jurídica segue até sexta-feira, no auditório do campus 2 (Foto: UniFAI).

Na quarta-feira (14), os participantes poderão conferir a palestra sobre os “Princípios constitucionais do processo e a importância da fundamentação das decisões judiciais”, do conselheiro seccional da OAB-SP e docente da UniToledo e Univem Prof. Me. Tayon Soffener Berlanga, que é especialista em Direito Civil e Direito Processual, mestre em Direito das Relações Privadas e autor do livro Ética Geral e Profissional (1999).

Na quinta-feira (15), o médico anestesiologista, advogado, presidente da Sociedade Brasileira do Estudo da Dor (SBED) e da Sociedade de Anestesiologia do Estado de São Paulo (SAESP) e livre docente Prof. Dr. Irimar de Paula Posso, falará acerca do “Erro médico – erro do médico, erro do paciente ou erro do sistema?”.

Encerrando a programação, na sexta-feira (16) a palestra é com o advogado e docente da Escola Paulista de Direito (EPD), Prof. Dr. Carlos Augusto Marcondes de Oliveira Monteiro, autor de obras jurídicas. Ele abordará os “Aspectos processuais da Reforma Trabalhista”.

O evento, realizado sempre às 19h30 no Auditório Miguel Reale, no Câmpus II, é voltado a estudantes e profissionais da área jurídica.

Publicidade

Iogurtes Carolina

Publicidade

Auto Doc

 

Publicidade

Clinica Lu Applim
Cinema

Publicidade

Insta do Siga Mais