Cidades

Chove mais de 53 mm no domingo em Adamantina e semana segue com tempo instável

Tempo segue instável durante a semana, com novas previsões de chuva para Adamantina e região.

Por: Da Redação atualizado: 14 de janeiro de 2020 | 16h04
Chuvas intensas marcam o início de janeiro em Adamantina. Tempo instável segue pelos próximos dias (Foto: Siga Mais). Chuvas intensas marcam o início de janeiro em Adamantina. Tempo instável segue pelos próximos dias (Foto: Siga Mais).

O domingo (12) foi marcado por tempo com períodos de sol intenso e temporal na região. Em Adamantina a estação meteorológica automática do CIIAGRO (Centro Integrado de Informações Agrometeorológicas), instalada na APTA (Agência Paulista de Tecnologia do Agronegócio), no bairro rural Estrada 14, registrou 53,9 mm de chuvas.

O volume mais concentrado de águas atingiu a cidade na faixa entre 16h e 17h, com 33,5 mm. Em seguida, das 17h às 18h, mais 17 mm. A precipitação seguiu em menor intensidade, até por volta de 21h/22h. Durante os últimos 7 dias, o acumulado registrado pelo CIIAGRO, em Adamantina, é de 99,7 mm.

Para a cidade a previsão é de tempo instável durante a semana, com novas possibilidades de chuva. Segundo os serviços de meteorologia, os próximos dias seguem com períodos de sol, sol encoberto e chuvas.

Temporal destelha parte Igreja Matriz em Lucélia

As chuvas deste domingo foram acompanhadas de rajadas de vento em Lucélia, que destruíram parte do telhado da Igreja Matriz da Sagrada Família (saiba mais). Por volta das 16h30 as fortes chuvas acompanhadas de vento fizeram com que as telhas fossem arremessadas na rede de energia elétrica, no entorno da Igreja, levando à interrupção no fornecimento de energia em parte da cidade. Ninguém se feriu. (Continua após a publicidade...)

Publicidade

Clínica Savi
Supermercado Godoy

Publicidade

JVR Segurança
Rede Sete Supermercado

Além dos danos na cobertura da Igreja e na rede de energia elétrica, o temporal também destruiu parte dos enfeites natalinos que ainda estão na praça, no entorno do prédio religioso.

Uma equipe da concessionária Energisa Sul-Sudeste foi mobilizada para restabelecer o fornecimento de energia elétrica para parte da cidade afetada com os estragos.

Por volta das 17h20 grande maioria dos clientes afetados com a falta de energia elétrica tiveram seu fornecimento restabelecido. Nesta segunda-feira (13) pela manhã os clientes mais próximos à Igreja, que ainda estavam sem energia elétrica, tiveram os serviços normalizados.

Em relação às missas, as celebrações religiosas estão teporariamente suspensas na Igreja atingida pelo temporal.

Parte do telhado da Igreja Matriz de Lucélia foi levada no temporal na tarde deste domingo (Reprodução: Site Clikar).

Publicidade

Clinica Lu Applim
Cinema

Publicidade

Insta do Siga Mais