Cidades

CDP II de Pacaembu realiza 1ª Jornada da Cidadania, Trabalho e Renda

Projeto que visa a reintegração social de reeducandos promoveu diversas atividades.

Por: Eliane Borges | SAP | Croeste atualizado: 21 de setembro de 2022 | 10h03
Cerimônia de abertura foi realizada em 15 de setembro (Divulgação/SAP/Croeste). Cerimônia de abertura foi realizada em 15 de setembro (Divulgação/SAP/Croeste).

A Secretaria da Administração Penitenciária, por meio das Coordenadorias de Reintegração Social e Cidadania (CRSC) e das Unidades Prisionais da Região Oeste (CROESTE), realizou a 1ª Jornada da Cidadania, Trabalho e Renda do Centro de Detenção Provisória (CDP) II de Pacaembu. Após mais de dois anos sem realização, devido à pandemia, as Jornadas estão sendo retomadas com força total em todo o Estado. 

Autoridades e convidados da sociedade civil prestigiaram o evento (Divulgação/SAP/Croeste).

O objetivo do projeto é oferecer aos reeducandos do sistema penitenciário paulista um conjunto de serviços essenciais, trazendo um mutirão de ações para fornecer importantes ferramentas na retomada da vida em liberdade. O evento possibilita que o reeducando consiga, por exemplo, regularizar seus documentos, receber informações processuais e ainda passar por oficinas, palestras e dinâmicas especialmente elaboradas para sua reintegração social. 

Semana da Jornada 

De 12 a 16/09, diversas atividades foram oferecidas aos apenados, entre elas, cortes de cabelo por cabeleireira voluntária; atendimentos jurídicos por advogados do convênio Defensoria Pública e Faculdade Toledo de Presidente Prudente; emissão de documentos; testes rápidos de Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST’s); mutirão de prevenção ao câncer bucal; avaliação de pressão arterial e glicose; oficina de leitura; e entrega de certificados de cursos profissionalizantes.  

Detento é surpreendido com notícia de que ganhou a liberdade e é abraçado por familiares (Divulgação/SAP/Croeste).Juiz anunciou liberdade a alguns detentos que participavam do evento (Divulgação/SAP/Croeste).

Além desses atendimentos, enfermeiras palestraram aos detentos sobre abstinência de drogas, hipertensão e Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST’s), enquanto a dentista da unidade abordou o tema higiene bucal. Pelo convênio com a Defensoria Pública e Faculdade Toledo, uma assistente social ministrou sobre “ O que é ser homem” e outra psicóloga sobre “Reflexões sobre suicídio no sistema carcerário”. Por fim, um advogado palestrou sobre “Pacote Anticrime”. 

Publicidade

Supermercado Godoy
Daiane Mazarin Estética

Publicidade

Rede Sete Supermercado
JVR Segurança

Organização 

A SAP estabelece que todas as unidades prisionais do Estado de São Paulo devem oferecer ações de reintegração social aos reeducandos.

Professoras da escola vinculadora realizaram apresentação de coral (Divulgação/SAP/Croeste).

A Jornada é uma realização do Grupo de Capacitação, Aperfeiçoamento e Empregabilidade (GCAE), da CRSC, e do Grupo Regional de Ações de Trabalho e Educação (Grate) das coordenadorias e conta com importantes parceiros, como a Fundação "Prof. Dr. Manoel Pedro Pimentel" (Funap), o Instituto de Identificação “Ricardo Gumbleton Daunt” (IIRGD), Defensoria Pública, Faculdades Toledo, etc. 

Publicidade

Nova Foto e Ótica
Tio Panda Adamantina

Publicidade

Insta do Siga Mais