Tecnologia

O que é a Ciência de Dados?

Especialista escreve sobre o novo curso anunciado para a Fatec Adamantina.

Carlos Schults Colunista
Carlos Schults
O que é a Ciência de Dados?

Conforme matéria publicada no Siga Mais, a FATEC de Adamantina em breve contará com um novo curso. Trata-se do curso de Tecnologia em Ciência de Dados. A nova graduação havia sido aprovada em janeiro deste ano. Devido à pandemia de covid-19, a instituição ainda não divulgou datas e maiores informações sobre o vestibular, mas a expectativa é que as aulas se iniciem já no mês de agosto.

A questão que fica para a maioria das pessoas é? O que é “Ciência de Dados”?

Colocando dados para trabalhar

A Ciência de Dados, ou Data Science, é uma área cujo objetivo é extrair conhecimento útil dos dados que as organizações acumulam. Esse conhecimento pode então auxiliar na tomada de decisão, gerando mais eficiência em todo tipo de processo.

Como a ciência de dados funciona e de que forma ela é útil para empresas e outras organizações?

Para responder essa pergunta, precisamos entender um fato sobre a época que vivemos. Atualmente, o mundo produz—e consome—uma quantidade gigantesca de dados. Só para dar um exemplo, pesquisadores da IBM estimaram que apenas em 2013 a humanidade gerou mais dados que nos 5000 anos anteriores!

Esse volume imenso de dados tem um potencial incrível que muitas vezes não é aproveitado. E é aí que os cientistas de dados entram.

Esses profissionais usam técnicas e teorias originadas de áreas diversas (Matemática, Ciência da Computação, Estatística, Ciência da Informação) combinadas com conhecimento de negócio da área em que operam para analisar grandes volumes de dados. O resultado dessas análises são insights que seriam impossíveis de serem obtidos de outra forma.

Ciência de dados na prática

Pode ser que você nunca tenha ouvido falar em “ciência de dados” antes de ler esse artigo, mas ela já está afetando sua vida diariamente. Não acredita? Pois vamos ver alguns exemplos de uso da Ciência de Dados.

Um dos usos mais comuns e populares desse campo é seu emprego em sistemas de recomendação. O exemplo mais óbvio que vem à mente são empresas de comércio eletrônico, como a Amazon. Baseados em técnicas como filtragem colaborativa, cientistas de dados criaram sistemas que recomendam mais produtos para os consumidores baseados em seus históricos de compra e pesquisa.

Sistemas de recomendação também são essenciais para serviços como Spotify, YouTube e Netflix, que analisam os hábitos de seus usuários para recomendar músicas, vídeos e títulos que combinem com suas preferências.

Outra área na qual a ciência de dados é essencial são os serviços financeiros. A fintech Nubank, por exemplo, usa ciência de dados para auxiliar na tomada de diversas decisões, como a aprovação ou não de crédito para clientes ou a decisão do limite do cartão. A análise dos dados também é capaz de detectar possíveis transações fraudulentas, o que é essencial para a segurança de um serviço financeiro.

A ciência de dados também beneficia a área da saúde. Como todos estamos cansados de saber, vivemos atualmente uma pandemia global da doença Covid-19, causada pelo Sars CoV-2, o mais recente membro da família dos corona vírus. Seria a ciência de dados também capaz de ajudar na luta contra a pandemia? Sem dúvida.

Através do uso da ciência de dados, pesquisadores têm conseguido:

Auxiliar na pesquisa por anticorpos;

Rastrear e entender melhor a forma como a doença tem se espalhado;

Desenvolver métodos mais eficazes de contact tracing, que são essenciais para localizar e notificar familiares, amigos e conhecidos de pessoas infectadas.

Entender e prever as consequências—tanto as de saúde quanto as econômicas da pandemia.

Conclusão

A Ciência de Dados é um campo que é importantíssimo hoje, e será ainda mais importante no futuro. Depois do artigo de hoje, agora você sabe um pouco mais sobre essa área e, quem sabe, pode vir a estudá-la no futuro. Obrigado pela leitura e até a próxima!

Carlos Shcults. Consultor em tecnologia da informação, desenvolvedor e autor técnico. E-mail: carlos.schults@gmail.com.

Publicidade

Cinema

Publicidade

Insta do Siga Mais