Memória

Redes Sociais x Seres Antissociais – Uma conta que não fecha! – Parte II

Uma outra análise sobre os atuais “pacíficos e felizes” usuários das Redes Sociais.

Tiago Rafael Colunista
Tiago Rafael
(Reprodução: Sr. García/El País). (Reprodução: Sr. García/El País).

“Toda Rede Social nasce boa, são os seus usuários que a estragam.”

Desconhecido

* * *

Meses atrás, escrevi por aqui e acolá sobre o atual cenário das redes sociais, diga-se Facebook, e seus “felizes e pacíficos” usuários. No entanto, em meio mundo que se diz pós-globalizado e em constante “liquidez”, nada mais parece que pode ser dito, ou melhor, escrito, postado ou compartilhado.

Em um de meus textos publicados por aqui, ressalto que, a alguns faltou a leitura do mesmo. Em menos de 24 horas, não faltaram comentários pró e contra tal publicação (e sou bem receptivo a isso, sem problemas!). Haja vista que muitos dos comentários soavam mais como frases de efeito, do que questionamentos e discussões propriamente ditas. E repito, “muitos” sequer o leram, apenas “seguiram o fluxo” como dizem os “pensadores contemporâneos” de “redes sociais”.

Isso tudo acabou me acendendo novamente outro alerta. Infelizmente as ditas redes sociais não estão “tão sociáveis”. Ver e conviver com a opinião alheia está se tornando perigoso no atual cenário. Ou você é de esquerda ou de direita, ou é azul ou rosa, ou coxinha ou mortadela. E assim, caminhamos! Isso nos leva a outro questionamento: E se, ao invés da esquerda ou da direita, eu for de centro? E se, eu gostar do verde? E se, eu gostar de lasanha? Qual o problema? Nenhum!

(Reprodução: UOL).

O fato é que, as Redes Sociais se tornaram “chatas”, ou melhor, estão repletas de pessoas que as tornam “chatas”! Que não conseguem simplesmente aceitar a opinião do outro, a sua posição ideológica, o seu partido político, a sua religião, etc. Ou seja, parece que a intolerância ganhou novas ferramentas e ares por lá e infelizmente assim continuamos a caminhar.

Enfim, como se vê, os tempos, grupos e redes, são outros. Enquanto esses e aqueles ficam preocupados em disseminar isso ou aquilo, por não concordarem com este ou aquele texto e/ou publicação, eu fico aqui a me recordar quão bom eram os tempos de outras Redes Sociais, como o “saudoso” Orkut. Por lá, também tinha tudo isso, mas pelo menos os textos “ainda eram lidos”!

Tiago Rafael dos Santos Alves

Professor, Historiador e Gestor Ambiental

Membro Correspondente da ACL e AMLJF

tiagorsalves@gmail.com

Publicidade

Cinema
Clinica Lu Applim

Publicidade

Insta do Siga Mais