Crônicas Provincianas

A Província no cenário "glocal": do global para o local...

As crises são passageiras e estão marcando presença em todos os cantos.

Sérgio Barbosa Colunista
Sérgio Barbosa
(Imagem: Pixabay). (Imagem: Pixabay).

“Não é a consciência do homem que lhe determina o ser, mas, ao contrário, o seu ser social que lhe determina a consciência.” (Karl Marx)

* * * 

Não se pode mais ficar distante dos acontecimentos em nível glocal, ou seja, do global para o local, portanto, a Província faz parte deste cenário mundial de um jeito ou de outro...

Também, quando todos os países estão interligados pelos mais diversos meios em função das propostas mediadas pela denominada "pós-globalização", portanto, mais do que nunca prevalece àquela máxima do dito popular tupiniquim,  a saber; "se ficar, o bicho come, se correr, o bicho pega"...

Portanto, neste cenário mais do que complicado para as instituições públicas e privado, "todo cuidado é pouco", assim, os/as gestores/as provincianos devem estar atentos às novas propostas desta "Nova Ordem Mundial"...

As crises são passageiras e estão marcando presença em todos os cantos do "país do faz de conta", desta forma, a Província tem mais que continuar em estado de alerta constante para saber como dar a volta por cima dos problemas...

A tarefa não é fácil, considerando que os desafios estão pressionando para decisões rápidas e comprometida com as exigências nas áreas pública e privada, sendo que muitos/as gestores/as provincianos estão além destas novas exigências patrocinadas pelas regras do mercado...

Existem neste cenário provinciano, algumas opções para uma alteração nesta rota crítica que envolve um cenário de "crise" ou "estagnação", ou seja, as associações de classe, sindicatos, clubes e outros, também, podem colaborar com ofertas de cursos, palestras e oficinas em áreas afins aos interesses das instituições pública e privadas em terras provincianas...

Uma outra possibilidade pode ocorrer por parte dos veículos de mídia que desenvolvem atividades na Província, pois, os mesmos poderiam atuar na divulgação de novas propostas visando à superação da "crise" e ponto quase final...

Desta forma, entendo que é necessário estar comprometido em colaborar da melhor forma possível com tais iniciativas, tendo em vista que a comunidade provinciana está interessada em atitudes que demonstrem "compromisso e seriedade" em meio aos desencontros com o cenário atual...

Portanto, neste contexto crítico para todos os lados provincianos, todos/as podem dar a sua contribuição com sugestões que venham de encontro às necessidades da comunidade, bem como, buscar alternativas visando à racionalização dos gastos em benefício de investimento nos setores prioritários, tais como: saúde, educação, meio ambiente, saneamento básico e outros...

Sérgio Barbosa é jornalista diplomado, professor universitário e consultor na área da comunicação organizacional.